Siga-nos

Perfil

Expresso

Dossiês

Quatro anos depois, o BCP regressa aos lucros

  • 333

Banco alcançou resultados líquidos positivos de 70,4 milhões de euros no primeiro trimestre

Após quatro anos de prejuízos, o BCP voltou aos lucros nos primeiros três meses do ano, com um resultado líquido consolidado positivo de 70,4 milhões de euros, o que compara com prejuízos de 40,7 milhões de euros no mesmo período do ano passado.

Nuno Amado, presidente do BCP, destaca o facto de depois de um "período muito difícil, com uma situação bastante complicada", o banco ter voltado aos lucros após quatro anos de prejuízos".

Lembrando que se completam três anos após a sua primeira apresentação de resultados do banco, Nuno Amado disse que "o BCP está a cumprir o plano delineado em 2012" e agradeceu a clientes, acionistas e colaboradores.

O resultado core do BCP aumentou 89%, para 221,7 milhões de euros, refletindo o crescimento da margem financeira em 39% e a redução dis custos operacionais em 2,5%.

A atividade do BCP em Portugal também voltou aos lucros. O banco obteve um resultado líquido em Portugal no primeiro trimestre de 14,8 milhões de euros, o que compara com perdas de 88,2 milhões em igual período do ano passado.

Já as operações internacionais contribuíram com 54,9 milhões de euros para o resultado líquido consolidado no primeiro trimestre, o que compara com 47,8 milhões no mesmo período do ano passado.

"Esperamos terminar 2015 completamente em linha com o plano estratégico", afirmou Nuno Amado, salientando que o BCP é um banco líder e "hoje esta melhor preparado para o futuro".