Siga-nos

Perfil

Expresso

Edição de 21 de Outubro de 2017

A família que salvou 14 pessoas menos o senhor Fausto. Em quatro meses não se muda um país. Luís, o coveiro que vai enterrar três amigos da terra

Ler

Outras Edições

Sumário Caderno 1

Opinião

  1. 2

    As escolhas do editor

    Ricardo Marques

Temas principais

  1. 3

    A família que salvou 14 pessoas menos o senhor Fausto

    Na aldeia de Vinhó, distrito de Coimbra, um casal e a filha de 22 anos acolheram os vizinhos durante a noite, enquanto tudo ardia em redor. Nem todos sobreviveram

  2. 4

    Em quatro meses não se muda um país

    Passaram quatro meses desde a tragédia de Pedrógão. Morreram então 65 pessoas. Nos últimos três dias as chamas voltaram a andar à solta e tiraram a vida a mais 35 pessoas. Pequenos passos foram dados desde junho. Outros aguardam decisão política

  3. 5

    Luís, o coveiro que vai enterrar três amigos da terra

    Os incêndios mataram cinco pessoas em São Joaninho, perto de Santa Comba Dão. Três delas vão ser enterradas no cemitério local esta semana, numa cerimónia que promete ser de emoções fortes. O coveiro vai passar as próximas horas a marcar o local das covas onde os três amigos vão ser enterrados

  4. 6

    Estradas do Pinhal de Leiria fechadas por risco de queda de árvores

    O presidente da Câmara Municipal de Marinha Grande adiantou ao Expresso que 86% do Pinhal de Leiria ficou destruído pelas chamas. Estradas vão ser fechadas devido ao perigo de derrocadas. O ministro da Agricultura esteve esta manhã reunido com responsáveis da autarquia.

  5. 7

    O que falta Costa fazer para não chumbar com Marcelo

    Já deixou cair a ministra. Já pediu desculpa aos portugueses. Mas falta provar (com atos e não só palavras) que a floresta é uma prioridade, que o Orçamento de Estado não pensa só nos funcionários públicos e no défice e que inclui verbas para esta nova causa, e que se vai tentar “uma convergência alargada” para fazer “as reformas inadiáveis”. Escapar à moção de censura do CDS é fácil. A oportunidade de ser humilde na hora certa já passou. O mais difícil está por fazer

  6. 8

    28 moções de censura em 43 anos. Mas só uma deitou abaixo o Governo

    A moção de censura ao Governo que o Parlamento vai discutir na próxima semana, por iniciativa do CDS, é a 28ª da democracia, a primeira a este Governo. Até hoje, só a que o PRD apresentou ao Governo minoritário de Cavaco Silva, em 1987, derrubou um Executivo

  7. 9

    O imperador falou. Abriu o congresso do partido comunista chinês

    Xi Jinping acumulou poder como poucos presidentes antes dele. Daqui a uns dias saber-se-á se tenciona quebrar a tradição e avançar para um terceiro mandato

  8. 10

    Preço das casas subiu ou manteve-se em 263 concelhos

    No primeiro trimestre deste ano, o preço das casas em Portugal continental subiu 6,2% face a período homólogo. Só 15 dos 278 concelhos analisados tiveram descidas. Cidades fora das áreas metropolitanas de Lisboa e Porto têm assistido ao aumento dos valores da habitação

  9. 11

    Furacão Ophelia foi tão raro que ficou cortado nos mapas das previsões oficiais

    Um furacão no leste do Atlântico a atingir latitudes tão elevadas era impensável para os meteorologistas