Siga-nos

Perfil

Expresso

Tribuna

Rúben Amorim ainda não se sente campeão (vídeo)

Rúben Amorim diz que os jogadores do Benfica "não se sentem já campeões", mas disse que também "não passa pela cabeça perder o campeonato". (Veja vídeo no final do texto) 

O médio Rúben Amorim afirmou hoje que os futebolistas do Benfica "não se sentem já campeões", mas disse que também "não passa pela cabeça perder o campeonato", referindo-se ao decisivo jogo de domingo com o FC Porto. 

"Já existe alguma ansiedade há alguns jogos. Temos vindo a ganhar finais, esta é mais uma. Por ser um jogo em que não dependemos de ninguém, nem do resultado do Braga, só dependemos de nós, é um jogo ainda mais decisivo", disse na conferência de imprensa de antevisão deste jogo da 29.ª jornada da Liga, a disputar no Dragão. 

"Sentimos que está mãos, mas não nos sentimos já campeões. É um ponto, mas parece que ainda falta muito, embora não nos passe pela cabeça perder o campeonato", acrescentou. 

Amorim, que hoje treinou condicionado, referiu que se sente "bastante melhor" e que pretende conquistar o título o mais rápido possível, garantindo que não vai dar um especial prazer consegui-lo no estádio do FC Porto. 

"Ser campeão, não interessa onde"

"Ser campeão é ser campeão, não interessa onde. Para certos adeptos vai dar mais um gozo, mas para mim não, por mim tinha sido já no domingo se a Naval tivesse empatado com o Braga. Deixar para o último jogo não é bom, a ansiedade cresce", disse. 

Em relação ao ambiente que a equipa do Benfica vai encontrar no domingo, o médio garantiu que não está preocupado, mas lembrou que para os adeptos pode ser diferente. 

"É uma pena um pai de família não poder levar um filho a um jogo destes, mas, enquanto jogador, não tenho problemas, lá dentro estamos resguardados e ninguém nos vai fazer mal", disse. 

Rúben Amorim referiu que os acontecimentos do jogo da primeira volta, quando se verificaram os incidentes do túnel da Luz, podem criar um clima de "mais confusão e stress", mas referiu que "não se vai passar nada". 

"Os jogadores do Benfica só querem jogar, não vamos com outras intenções e penso que os jogadores do FC Porto também não", disse, lembrando que tem amigos no plantel do FC Porto, como é o caso de Rolando. 

Hulk diz que Benfica não será justo campeão, mas Amorim discorda

Em relação às palavras de Hulk, que hoje afirmou que o Benfica não será um justo campeão, o médio mostrou opinião contrária. 

"Temos que respeitar todas as opiniões, é a do Hulk, mas não é a minha. Se vencermos ou empatarmos no FC Porto somos uns justos campeões pelo futebol praticado, ganhamos mais jogos, temos mais pontos e fomos a melhor equipa", salientou. 

A terminar, o médio português comentou também uma eventual presença do Mundial. 

"Tenho o objetivo de ir à seleção, mas não penso muito nisso. Nunca fui convocado e agora é a fase final. O meu papel é preparar-me, caso seja chamado, se não for vou estar aqui a apoiar a seleção e o selecionador", concluiu. 

*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***