Siga-nos

Perfil

Expresso

Tribuna

"Quero FC Porto igual ao da primeira parte com o Benfica"

FC Porto enfrenta hoje um adversário complicado na Liga dos Campeões: os russos do Zenit, que Vítor Pereira quer superar.

O FC Porto enfrenta hoje um dos testes mais complicados do grupo G da Liga dos Campeões de futebol, ao defrontar os russos do Zenit, em encontro da segunda jornada, que se disputa em São Petersburgo.

O Zenit, onde alinham os portugueses Danny e Bruno Alves - este segundo não joga devido a castigo -, tem de vencer para se manter na corrida aos oitavos de final, depois da derrota na primeira ronda em casa dos cipriotas do Apoel por 2-1. 

Já o FC Porto surge com a vantagem de ter ganho na primeira jornada - 2-1 na receção aos ucranianos do Shakhtar Donetsk -, pelo que pode tentar explorar algum nervosismo por parte dos russos para sair de São Petersburgo com os três pontos. 

O treinador Vítor Pereira disse hoje querer "um FC Porto pressionante e com posse de bola, como na primeira parte contra o Benfica".

"O Zenit é uma das grandes equipas da Europa"

O "clássico" de sexta-feira serviu de mote ao técnico para definir a abordagem ao confronto europeu no Estádio Petrovsky, quarta-feira (17h em Portugal): "Espero prolongar esses 45 minutos por mais tempo, porque é esse FC Porto, com essa identidade, que procurámos". 

"O Zenit é uma das grandes equipas da Europa, que tem jogadores como Bruno Alves, uma referência do nosso clube, Danny, jogador da seleção nacional, Kerzhakov e outros jogadores de grande qualidade, assim como Luciano Spalletti, um grande treinador", disse Vítor Pereira. 

Na conferência de imprensa que antecedeu o ensaio geral dos "dragões" no palco do jogo da segunda jornada do Grupo G da "Champions", o técnico portista disse estar à espera de "grandes dificuldades". 

"Mas o FC Porto só sabe jogar para ganhar e é assim que vamos abordar o jogo amanhã (quarta-feira)", disse o treinador, que reforçou a ideia de poderio adversário: "Sabemos que vamos defrontar o primeiro do campeonato russo (a cinco jornadas do fim)". 

"Vai ser de certeza uma fase de grupos disputada até ao fim"

Vítor Pereira chamou ainda a atenção para a competitividade no Grupo G: "Zenit, Shakhtar e nós próprios: três clubes que ganharam a liga Europa nos últimos cinco anos". 

"Vai ser de certeza uma fase de grupos disputada até ao fim e com grande qualidade pelas equipas intervenientes, inclusive pelo APOEL", sublinhou.

Voltando ao próximo adversário, o treinador dos "dragões" frisou: "Espero uma equipa muito rápida a sair em transição e em contra-ataque, com muitos jogadores de qualidade e que explora muito bem a velocidade dos seus avançados".

"Mas o Zenit também pode esperar uma equipa habituada a grandes jogos, a grandes competições e que não vai alterar absolutamente nada na sua filosofia de jogo", concluiu. 

O Zenit-FC Porto decorrerá quarta-feira, às 20:00 locais (17:00 em Lisboa), no Estádio Petrovsky, em São Petersburgo, e será arbitrado pelo inglês Howarb Webb. 

Após ter batido na primeira ronda o Shakhtar Donetsk por 2-1, no Estádio do Dragão, o FC Porto lidera o Grupo G em igualdade com o APOEL de Nicósia,que derrotou o Zenit, também por 2-1.