Siga-nos

Perfil

Expresso

Desporto

Pepe pede desculpa a Messi por "ato involuntário"

Pepe pediu desculpa por ter pisado a mão de Lionel Messi, no jogo com o Barcelona. Defesa do Real Madrid diz que foi um "ato involuntário".

O futebolista português do Real Madrid Pepe pediu hoje desculpa a Lionel Messi, depois de ter pisado a mão do argentino do FC Barcelona, quarta-feira, na primeira "mão" dos quartos de final da Taça do Rei.     "Com respeito à jogada com o Leo Messi, quero dizer, desde já, que foi um ato involuntário. Mas, ainda assim, se o Messi se sentiu ofendido, peço-lhe desculpa", disse o internacional português.     Pepe realçou que apenas pretendeu "defender" a sua equipa e a instituição que é o Real Madrid.  

"Nunca me passa pela cabeça magoar um companheiro de profissão" 

"Entrego-me de corpo e alma. Nunca me passa pela cabeça magoar um companheiro de profissão", explicou ao sítio oficial do clube madrileno.     Durante a segunda parte do encontro de Madrid, onde o "Barça" ganhou por 2-1, Pepe pisou a mão do avançado argentino, atitude que o árbitro Cesar Muniz Fernandez não viu.     O gesto motivou críticas, não só por parte dos elementos do FC Barcelona, mas também da imprensa, sobretudo a espanhola, e de jogadores, como o inglês do Manchester United Wayne Rooney, no Twitter.  

Recorde-se que, em 2009, Pepe foi castigado com 10 jogos de suspensão por agredir Casquero, jogador do Getafe, quando este se encontrava estendido no chão.

Veja a pisadela de Pepe em Messi:
Veja a agressão de Pepe a Casquero, em 2009: