Siga-nos

Perfil

Expresso

Desporto

O tigre caiu no green

  • 333

FOTO SCOTT MILLER / REUTERS

Desde 1996 que Tiger Woods, a lenda do golfe, estava no top 100 dos melhores do mundo. Esta semana caiu para o 104.º lugar. E assim a lenda cai. Será que consegue recuperar?

Primeiro foram os problemas pessoais que interferiram no seu desempenho (e também nos seus patrocínios). Agora tem sido vítima de problemas de saúde, concretamente dores de costas que o têm impedido de jogar. 

Tiger Woods, 39 anos, permaneceu em primeiro lugar do ranking durante 1101 semanas. O último grande título data de 2008, no US Open. Mas em 2013 conseguiu arrecadar cinco prémios do Torneio PGA, o que o fez subir novamente na lista dos melhores do mundo.

Os tigres são conhecidos por serem astutos e quando menos se espera atacam. Woods não é diferente. No passado mês de Fevereiro tinha dito que só regressaria quando se sentisse em forma. Agora, e apesar das contrariedades, refere que conta estar operacional na próxima semana para participar no US Masters, a primeira grande prova do ano no circuito do golfe, que se realiza a 9 de abril.

A "Golf Digest" lança uma provocação. Podemos ler que "Tiger Woods não está a jogar (e mesmo quando está a jogar em pleno não é muito bom)" e que, por isso, "não deveria sequer ser uma surpresa que esteja a cair na tabela dos melhores do mundo no golfe". E para facilitar a leitura do gráfico da evolução (neste caso do decrescendo) da carreira de Woods, a "Golf Digest" socorre-se da personagem principal do "Family Guy", Peter Griffin (é ver AQUI). 

 

[artigo corrigido às 17h15]