Siga-nos

Perfil

Expresso

Tribuna

Mourinho a um passo de repetir final

O Barcelona tem a ingrata tarefa de recuperar de uma desvantagem de dois golos trazida da primeira mão, enquanto José Mourinho procura atingir a sua segunda final da Liga dos Campeões.

O Barcelona tem a ingrata tarefa de recuperar de uma desvantagem de dois golos trazida da primeira mão, se quiser defender o título, enquanto José Mourinho procura atingir a sua segunda final da Liga dos Campeões de futebol. 

Numas meias finais que contam ainda com a presença dos franceses do Olympique Lyon e dos alemães do Bayern Munique, o confronto entre espanhóis do Barcelona e italianos do Inter de Milão é claramente o mais mediático e ganhou maior relevo a partir do momento em que os atuais campeões europeus perderam em Milão por 3-1. 

José Mourinho, que levou o FC Porto ao título europeu em 2003/04, está novamente a um passo de discutir novo título continental e, apesar de ao longo da presente edição da "champions" nunca ter estado com a sua equipa no lote dos favoritos, tem neste momento fortes possibilidades de eliminar mais um favorito. 

Ninguém pára Mourinho?

Nos oitavos de final, a equipa transalpina encontrou a antiga equipa de Mourinho, o Chelsea, e acabou por seguir em frente, mesmo contra todos os prognósticos. 

Agora, e com os 3-1 com que derrotou a equipa catalã, Mourinho está novamente a um passo de fazer história, podendo impedir a equipa que quase toda a crítica considera a melhor da atualidade, e onde está o melhor jogador do Mundo, o argentino Lionel Messi. 

Na outra meia final, cuja segunda mão se disputa na terça feira, o Lyon tem uma tarefa menos complicada, recuperar de uma derrota por 1-0, mas terá de se acautelar com o Bayern, que já demonstrou esta época poder lutar de igual para igual em casa dos seus adversários. 

*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***

Clique para ler a Nota da Direcção do Expresso sobre o novo Acordo Ortográfico.