Siga-nos

Perfil

Expresso

Tribuna

Jesualdo Ferreira: "Não fomos tão competentes como nos últimos anos" (vídeo)

Jesualdo Ferreira disse que o FC Porto foi menos competente do que nos últimos anos, depois de os "dragões" terem ficado matematicamente arredados de revalidação do título, apesar da vitória sobre o Guimarães. (Veja vídeo SIC)

O treinador Jesualdo Ferreira disse que o FC Porto foi menos competente do que nos últimos anos, depois de os "dragões" terem ficado matematicamente arredados de revalidação do título de campeão nacional de futebol. 

"Não fomos tão competentes como nos últimos anos. Nas últimas épocas fomos campeões a várias jornadas do fim do campeonato. Este ano, a partir do momento em que ficámos dependentes de terceiros tornou-se tudo mais difícil", afirmou Jesualdo Ferreira à Sport TV, após o triunfo sobre o Vitória de Guimarães, por 3-0, na 27.ª jornada da Liga de futebol 

Terceiro classificado, a 11 pontos do Benfica, o FC Porto, despediu-se definitivamente do título, após a vitória do líder no terreno da Académica, mas Jesualdo Ferreira diz que a equipa "tem de continuar a ganhar jogos".

Sobre o encontro com o Guimarães, disse que o FC Porto obteve uma "vitória justa, por número corretos", embora tenha estado "melhor na segunda parte do que na primeira. 

"Foi um jogo que controlámos, tivemos mais bola, mais remates, mais ataques. Marcar três golos ao Vitória é bom e não sofrer golos também. Foi mais um jogo que ganhámos, com bons golos, boa atitude", afirmou. 

O técnico enalteceu ainda o guarda-redes Beto, que "entrou muito bem", depois de Helton ter sofrido uma lesão num dedo durante o aquecimento. 

Resultado injusto, diz Paulo Sérgio

O treinador do Guimarães, Paulo Sérgio, considerou que o resultado ao intervalo (1-0) era injusto, porque "o FC Porto teve duas hipóteses, marcou um golo, e o Vitória teve três". 

Depois, lamentou o golo sofrido "muito cedo" na segunda parte e, "sem pôr em causa a justeza do resultado", considerou que "o FC Porto foi feliz".

Satisfeito, a apesar do resultado, Paulo Sérgio disse que "o importante é conseguir um lugar nas competições da UEFA", estando o Vitória na linha da frente entre os diversos candidatos ao quinto lugar. 

Questionado sobre o suposto interesse do Sporting nos seus serviços, o técnico disse que "orgulho é treinar o Vitória de Guimarães". 

*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***

Clique para ler a Nota da Direcção do Expresso sobre o novo Acordo Ortográfico.