Siga-nos

Perfil

Expresso

Desporto

Inglaterra chocada por Eduardo da Silva

Entrada de um jogador do Birmingham partiu a perna ao avançado do Arsenal. (Veja o vídeo do lance no fim do texto.)

Ricardo Capela

Arrepiante. É o mínimo que se pode dizer da entrada de Martin Taylor sobre Eduardo da Silva. O jogador do Birmingham falhou o tempo do carrinho e partiu a perna ao avançado do Arsenal. Foi expulso mas, pior do que isso, fez com que o brasileiro, naturalizado croata, fosse atirado para a mesa de operações e falhe o Campeonato da Europa.

O jogo entre Arsenal e Birmingham terminou empatado (2-2), o que até foi bem negativo para os "gunners", que permitiram a aproximação do Manchester United na classificação mas, no final, o que interessava não era o resultado, mas sim o estado de Eduardo da Silva. A propósito, Cristiano Ronaldo marcou (mais) dois golos, na goleada do United sobre o Newcastle (5-1), em St. James Park.

No final do jogo, Arsene Wenger estava destroçado e irritado com o lance. "Martin Taylor não deveria ser autorizado a jogar futebol, que está a fazer no campo?", disse. Depois, já mais a frio, considerou que foi "excessivo" o que disse. Mas a verdade é que as imagens da lesão de Eduardo da Silva correm o mundo e chocaram toda a gente em Inglaterra. O jogador já foi, entretanto, operado e, de acordo com o site oficial do Arsenal, a intervenção cirúrgica "correu bem".

Entretanto, Martin Taylor já pediu desculpa pela entrada, que lhe valeu o cartão vermelho directo. O Birmingham também já lamentou o sucedido, ressalvando, ainda assim, que Taylor "não teve intenção de provocar uma lesão grave".