Siga-nos

Perfil

Expresso

Tribuna

Adebayor. A mãe fez macumba e ele deixou de marcar golos

Adebayot acredita que a mãe fez macumba para que ele deixasse de marcar golos, apenas dois em 12 jogos realizados esta época pelo Tottenham

Stu Forster/Getty Images

Avançado togolês do Tottenham queixa-se da família e a família diz que um grupo de curandeiros muçulmanos lhe fez uma lavagem ao cérebro. 

O ponto de partida para esta curiosa história familiar de bruxedos, maus-olhados e mal-entendidos foi dado pela irmã de Emmanuel Adebayor. Disse Maggie numa entrevista à ganesa Peace FM que o jogador do Tottenham pôs a mãe fora de casa, que deixou de lhe enviar dinheiro, que deixou de ser visto no Togo há coisa de um ano e que Alice (assim se chama a matriarca) se viu forçada a vender cadeados e bugigangas na rua para sobreviver. Disse também Maggie que tudo isto era consequência de uma ideia louca saída da cabeça de Emmanuel, que acredita que Alice fez macumba para que ele deixasse de marcar golos [dois em 12 jogos esta época].

Ora, Adebayor foi entrevistado pela mesma rádio e negou que tivesse posto a mãe na rua ("Ela é que decidiu sair"), mas manteve-se fiel ao argumento da feitiçaria. "Como é que eu hei-de manter contacto com a minha mãe quando ela está sempre a dizer que o meu trabalho não anda para a frente? Eu acho que elas [a mãe e a irmã] deviam parar de falar e de fazer ju-ju [macumba] e deixar-me em paz. Mais. Eu comprei uma casa de milhões de libras em East London para aquela que se diz minha irmã e o que ela fez? Alugou-a."

E quando achávamos que isto não podia ser mais estranho, apareceu irmão mais velho, Kola, que conversou com o "The Sun" diretamente da Alemanha, onde trabalha como camionista. Kola não acredita nas crendices e assegura que estas não passam de invenções de curandeiros islâmicos que apareceram na vida de Emmanuel [que é cristão] à procura de dinheiro fácil. E lança um aviso aos feiticeiros que estão a dar a volta à cabeça de Emmanuel: "Se vocês são mesmo homens de Deus, então provem que a minha mãe é uma bruxa."