Siga-nos

Perfil

Expresso

Desporto

MotoGP: Miguel Oliveira parte na sexta linha do Grande Prémio da Alemanha

  • 333

Nuno Botelho

O motociclista português fez o 16º tempo na qualificação para o grande prémio da Alemanha, que é disputado este domingo no traçado de Sachsenring

O “motard” português Miguel Oliveira chegou a ocupar o 13º lugar, mas na parte final foi passado por alguns adversários, por não ter conseguido melhorar o seu tempo, mas integrou o lote de 18 pilotos que ficaram a menos de um segundo do tempo da “pole”.

Em qualquer dos casos um lugar nos pontos é alcançável, tudo dependendo das condições que os pilotos vão encontrar este domingo. Este sábado o sol brilhou mas na véspera a pista esteve molhada.

Na luta pela “pole”, o japonês Takaaki Nakagami (que corre numa mota Kalex, tal como Miguel Oliveira) conseguiu, na fase final, superar o francês Johann Zarco e o espanhol Alex Rins (ambos também numa Kalex) que entram este domingo no traçado alemão (que fecha a primeira metade da época) empatados no comando do campeonato.

Na categoria rainha, MotoGP, o espanhol Marc Marquez (Honda) manteve a superioridade que tem patenteado no traçado alemão, onde regista a quarta “pole” consecutiva, impondo-se, desta vez, ao seu compatriota Hector Barbera (Ducati) e ao italiano Valentino Rossi (Yamaha), que fez o mesmo tempo que o seu compatriota Danilo Petrucci (Ducati) mas garantiu um lugar na primeira linha por o ter feito antes do seu opositor.

O espanhol Jorge Lorenzo (Yamaha) caiu e vai partir da 11.ª posição da grelha, a sua pior posição de largada desde o grande prémio (GP) da Holanda de 2013, para o qual arrancou do 12.º lugar.

Várias quedas, na fase inicial, levaram à interrupção da qualificação de Moto3, para o asfalto ser limpo do óleo que estava nas curvas 3 e 4, com o italiano Niccolo Antonelli (Honda) a ser a maior vítima, já que fracturou a clavícula esquerda e foi forçado a desistir.

Os seus compatriotas Enea Bastianini (Honda), que assegurou a “pole”, e Andrea Locatelli (KTM) foram os mais rápidos na qualificação, à frente do espanhol Aron Canet (Honda), que completou a primeira linha da grelha.