Siga-nos

Perfil

Expresso

Desporto

Fernando Gomes reeleito presidente da FPF até 2020

  • 333

MIGUEL A. LOPES / LUSA

O presidente da Federação Portuguesa de Futebol recebeu o apoio de 70 dos 76 delegados do organismo. “O consenso é inequívoco em torno da obra feita”, declarou este sábado Pedro Proença

Fernando Gomes foi reeleito este sábado presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), por um novo mandato até 2020, anunciou este sábado a FPF em comunicado oficial. A Assembleia-Geral decorreu esta manhã em Oeiras, na Cidade do Futebol.

O dirigente da FPF concorreu a estas eleições sem oposição, tendo recebido 92% dos votos: dos 76 delegados do organismo, 70 apostaram nele. Apenas seis votos ficaram em branco.

“O consenso é inequívoco em torno da obra feita (...) por esta direção da Federação”, declarou este sábado o presidente da Liga dos clubes, Pedro Proença.

Fernando Gomes, que preside à federação desde 2011, apresentou-se a estas eleições com a mesma equipa, com exceção das presidências do Conselho de Arbitragem (que recebeu 64 votos a favor, dez brancos e dois nulos) e do Conselho de Disciplina (68 votos, sete brancos e um nulo). José Fontes Gomes substitui assim Vítor Pereira na presidência do Conselho de Arbitragem e José Manuel Meirim vai para o lugar de Herculano Lima no Conselho de Disciplina.

A lista do Conselho Fiscal, liderada por Ernesto Ferreira da Silva, foi a presenteada com mais votos: 71 delegados votaram nela, com os restantes cinco votos em branco.

Carlos Coutada, Elísio Carneiro, Hermínio Loureiro, Humberto Coelho, João Vieira Pinto, Mónica Jorge, Pauleta, Pedro Dias e Rui Manhoso continuam ao lado de Fernando Gomes na direção da FPF. Pedro Proença, presidente da Liga dos clubes, é vice-presidente.

A tomada de posse dos órgãos eleitos será na próxima terça-feira, a partir das 18h.

Notícia atualizada às 15h00