Siga-nos

Perfil

Expresso

Desporto

WTCC: Segunda “pole” de Jose Maria Lopez

  • 333

KARIM JAAFAR/AFP/Getty Images

O argentino Jose Maria Lopez (Citroen C-Elysée) garantiu a “pole position”, a segundo do ano, para a corrida principal no Hungaroring, enquanto o marroquino Mehdi Bennani (Citroen C-Elysée), décimo na qualificação, largará da primeira posição para a corrida de abertura

O português Tiago Monteiro (Honda Civic), que se qualificou para a Q3, registou o quarto tempo, o que o coloca na segunda linha da grelha para a segunda corrida e na quarta para a primeira, com Tiago Monteiro a perder o comando do campeonato para ao argentino, que transformou a desvantagem de um ponto numa vantagem de dois.

À chegada ao Hungaroring, os pilotos depararam-se com um asfalto novo, que colocou problemas de aderência e foi responsável por algumas saídas mais largas, como sucedeu com o francês Yvan Muller (Citroen C-Elysée), que conseguiu qualificar-se para a Q2 “in-extremis” ao fazer o 12.º tempo na Q1.

Na partida para a corrida principal, Jose Maria Lopez terá a seu lado o holandês Tom Coronel (Chevrolet Cruze) que igualou a sua melhor qualificação no WTCC, enquanto a segunda linha será partilhada pelos Honda do inglês Robert Huff, o mais rápido na Q2, e de Tiago Monteiro.

O sueco Thed Bjork (Volvo S60) foi o quinto piloto a participar na Q3, confirmando a evolução que os carros da marca sueca, mas na corrida de abertura irá alinhar na derradeira posição da grelha por ter trocado de motor.

Dia difícil para Yvan Muller que não conseguiu melhor do que o oitavo tempo, na Q2, sendo patente na cara do piloto o desencanto com o mau resultado obtido, que começa a tornar difícil da reconquista do título.

Finalmente no MAC3 a Citroen repetiu o sucesso de Paul Ricard, impondo-se à Honda, que na fase inicial deu a sensação de poder bater a marca francesa.

Grelhas de partida

1.ª corrida – 1.ª linha – Mehdi Bennani (Citroen C-Elysée); Fredrik Ekblom (Volvo S60); 2.ª linha – Yvan Muller (Citroen C-Elysée); Nicky Catsburg (Lada Vesta); 3.ª linha – Norbert Michelisz (Honda Civic); Thed Bjork (Volvo S60); 4.ª linha – Tiago Monteiro (Honda Civic); Robert Huff (Honda Civic); 5.ª linha – Tom Coronel (Chevrolet Cruze); Jose Maria Lopez (Citroen C-Elysée)

1.ª corrida – 1.ª linha – Jose Maria Lopez (Citroen C-Elysée); Tom Coronel (Chevrolet Cruze); 2.ª linha – Robert Huff (Honda Civic); Tiago Monteiro (Honda Civic); 3.ª linha – Thed Bjork (Volvo S60); Norbert Michelisz (Honda Civic); 4.ª linha – Nicky Catsburg (Lada Vesta); Yvan Muller (Citroen C-Elysée); 5.ª linha – Fredrik Ekblom (Volvo S60); Mehdi Bennani (Citroen C-Elysée)