Siga-nos

Perfil

Expresso

Desporto

GP do Qatar.Miguel Oliveira (Kalex) 11.º na estreia em Moto2

  • 333

O português Miguel Oliveira (Kalex) terminou em 11.º lugar, depois de ter saído da 22.ª posição da grelha, a primeira corrida de Moto2, ganha pelo suiço Thomas Luthi (Kalex)

Na primeira corrida de Moto2, Miguel Oliveira cumpriu o seu papel e efectuou uma corrida de trás para a frente, conseguindo evitar as situações mais complicadas e perdeu um lugar no “top ten”, por 0,005”, para o italiano Luca Marini.

A corrida começou por ser dominada pelo alemão Jonas Folger (Kalex), que tinha sido o mais rápido na qualificação, até ao momento em que não evitou o contacto com o asfalto, o que colocou o italiano Franco Morbidelli (Kalex) e o suíço Thomas Luhti na luta pelo primeiro lugar, com o suíço a assegurar a vitória e o italiano a ser penalizado, em 20”, o que o atirou para sétimo e permitiu ao espanhol Luis Salon (Kalex) e ao italiano Simone Corsi (Speed Up) completarem o pódio.

Na categoria rainha (MotoGP), o campeão em título, o espanhol Jorge Lorenzo (Yamaha), iniciou da melhor maneira a defesa do ceptro, impondo-se ao italiano Andrea Dovizioso (Ducati) e ao seu compatriota Marc Marquez (Honda), com Valentino Rossi (Yamaha) a terminar em quarto.

Na fase inicial da corrida foram os pilotos da Ducati, os italianos Andrea Iannone e Andrea Dovizioso, que comandaram as operações, mas a partir da nona volta Jorge Lorenzo passou para a frente para não mais de lá sair, deixando Andrea Dovizioso e Marc Marquez lutarem pelos restantes lugares do pódio, com Valentino Rossi sempre à espreita de uma oportunidade, que não surgiu para os surpreender.

Como de costume a corrida de Moto3 foi emocionante, como o demonstra o facto dos sete primeiros terem cabido em menos de um segundo com o italiano Nicolo Antonelli (Honda) a bater por 0,007” (!) o sul-africano Brad Binder (KTM) e por 0,148” o seu compatriota Francesco Bagnaia (Mahindra), que completou o pódio.

Classificações

Corridas

Moto2 – 1.º,Thomas Luthi (Kalex), 20 voltas (107,600 km), em 40’14,293” (160,4 km/h); 2.º, Luis Salon (Kalex), a 9,610”; 3.º, Simone Corsi (Speed Up), a 9,665”; 4.º, Hafizh Syahrin (Kalex), a 13,558”; 5.º, Dominique Aegerter (Kalex), a

16,064”; 6.º, Danny Kent (Kalex), a 16,114”; 7.º, Franco Morbidelli (Kalex), a 20,047”; 8.º, Alex Rins (Kalex), a 20,170”; 9.º, Sam Lowes (Kalex), a 22,019”; 10.º, Luca Marini (Kalex), a 24,249”; 11.º, Miguel Oliveira (Kalex), a 24,254”. Classificaram-se mais 11 pilotos

MotoGP – 1.º, Jorge Lorenzo (Yamaha), 22 voltas (118,360 km), em 42’28,452” (167,1 km/h); 2.º, Andrea Dovizioso (Ducati), a 2,019”; 3.º, Marc Marquez (Honda), a 2,287”; 4.º, Valentino Rossi (Yamaha), a 2,387”; 5.º, Dani Pedrosa (Honda), a 14,083”; 6.º, Maverick Viñales (Suzuki), a 15,423”; 7.º, Pol Espargaro (Yamaha), a 18,629”; 8.º, Bradley Smith (Yamaha), a 18,652”; 9.º, Hector Barbera (Ducati), a 21,160; 10.º, Scott Redding (Ducati), a 24,435”. Classificaram-se mais cinco pilotos

Moto3 – 1.º, Nicolo Antonelli (Honda), 18 voltas (96,840 km), em 38’12,161” (152,0 km/h); 2.º, Brad Binder (KTM), a 0,007”; 3.º, Francesco Bagnaia (Mahindra), a 0,148”; 4.º, Romano Fenati (KTM), a 0,435”; 5.º, Enea Bastianini (Honda), a 0,606”; 6.º, Nicolo Bulega (KTM), a 0,625”; 7.º, Jorge Navarro (Honda), a 0,674”; 8.º, Livio Loi (Honda), a 1,710”; 9.º, Philipp Oetil (KTM), a 8,611”; 10.º, Jakub Kornfeil (Honda), a 10,947”. Classificaram-se mais 22 pilotos

Campeonatos

Moto2 – 1.º,Thomas Luthi 25 pontos; 2.º, Luis Salon, 20; 3.º, Simone Corsi, 16; 4.º, Hafizh Syahrin, 13; 5.º, Dominique Aegerter, 11; 6.º, Danny Kent, 10; 7.º, Franco Morbidelli, 9; 8.º, Alex Rins, 8; 9.º, Sam Lowes, 7; 10.º, Luca Marini, 6; 11.º, Miguel Oliveira (Kalex), 5. Estão classificados mais quatro pilotos

MotoGP – 1.º, Jorge Lorenzo, 25 pontos; 2.º, Andrea Dovizioso, 20; 3.º, Marc Marquez, 16; 4.º, Valentino Rossi, 13; 5.º, Dani Pedrosa, 11; 6.º, Maverick Viñales, 10; 7.º, Pol Espargaro, 9; 8.º, Bradley Smith, 8; 9.º, Hector Barbera, 7; 10.º, Scott Redding, 5. Estºao classificados mais cinco pilotos

Moto3 – 1.º, Nicolo Antonelli, 25 pontos; 2.º, Brad Binder, 20; 3.º, Francesco Bagnaia, 16; 4.º, Romano Fenati, 13; 5.º, Enea Bastianini, 11; 6.º, Nicolo Bulega, 10; 7.º, Jorge Navarro, 9; 8.º, Livio Loi, 8; 9.º, Philipp Oetil, 7; 10.º, Jakub Kornfeil, 6. Estão classificados mais cinco pilotos

Próxima prova – GP da Argentina, nas Termas de Rio Hondo, dia 3 de Abril