Siga-nos

Perfil

Expresso

Desporto

Mourinho livre do caso Eva

  • 333

IAN KINGTON/AFP/Getty Images

A federação de futebol inglesa ilibou o treinador português do caso dos comentários discriminatórios

Parece que a história de Eva Carneiro e José Mourinho tem fim à vista. Depois de a médica ter deixado o Chelsea há pouco mais de uma semana, a Federação Inglesa de Futebol anunciou esta quarta-feira que não há factos suficientes que comprovem que o treinador português tenha feito comentários discriminatórios.

O órgão responsável pelo futebol inglês, segundo o canal BBC, analisou as imagens do jogo do Chelsea frente ao Swansea. Na altura em que Eva Carneiro entra em cena, a partida estava empatada a duas bolas. A médica entrou em campo para assistir Eden Hazard, mas Mourinho achava que não era preciso. Resultado: Hazard teve de sair de campo e o Chelsea ficou durante alguns momentos a jogar com menos um.

Quando Eva regressou ao banco de suplentes, cruzou-se com o Special One junto à linha lateral. Terá sido o momento em que o português fez os comentários. Mas afinal não fez, diz a Federação Inglesa de Futebol.

No seguimento do jogo em causa, Eva Carneiro foi logo afastada da equipa médica da equipa principal. Há uma semana rescindiu o contrato com o clube.