Siga-nos

Perfil

Expresso

Desporto

Liga Europa: Sporting volta a Moscovo, Braga em grupo acesssível e Belenenses com missão quase impossível

  • 333

O antigo jogador sérvio Ivica Dragutinovic determinou a sorte do Sporting na fase de grupos da Liga Europa

GUILLAUME HORCAJUELO / EPA

Já são conhecidos os adversários das equipas portuguesas na fase de grupos da Liga Europa

O sorteio da fase de grupos da Liga Europa, realizado ao início da tarde desta sexta-feira no Mónaco, ditou claramente sortes diferentes para as três equipas portuguesas - algo natural tendo em conta que Sporting, Sporting de Braga e Belenenses estavam colocados em diferentes potes.

Sporting

Os leões, recém-chegado da Liga dos Campeoões e colocado no pote das equipas mais qualificadas, apesar de ser cabeça de série não tem um grupo muito fácil. Adivinham-se saídas difíceis a Moscovo (cidade de má memória pela recente desqualificação diante o CSKA), para defrontar o Lokomotiv local, e à Turquia, onde vai jogar com o Besiktas, clube de Ricardo Quaresma e que conta também com um ponta de lança de respeito: Mário Gómez.

O adversário mais acessível é o Skënderbeu, equipa desconhecida da Albânia, que pode ser visto como o “outsider” do grupo H.

Sporting de Braga

O Sporting de Braga não se pode queixar com o resultado do sorteio: apesar de estar colocado no pote 2, os guerreiros do Minho ficaram num grupo em teoria bastante acessível.

O Marselha, agora treinado pelo antigo internacional espanhol Michel, é, sem duvida, o adversário de maior respeito, sendo mesmo o favorito à conquista do 1.º lugar deste grupo e acesso aos dezasseis avos de final.

Já as restantes equipas sorteadas, Liberec (da República Checa) e Grogningen (da Holanda) parecem estar ao alcance da formação treinada por Paulo Fonseca. Bastará recordar que os minhotos poderiam ter apanhado adversários como o Mónaco (de Leonardo Jardim) ou Fenerbahçe (treinado por Vítor Pereira).

Belenenses

De volta às lides europeias depois de uma ausência de muitos anos, o Belenenses sabia estar-lhe reservada tarefa de monta a partir do momento em que estava incluído no quarto e último pote, reservado às equipas com pior ranking nas competições de clubes da UEFA.

O apuramento para a fase de qualificação não será impossível... mas quase. Os azuis do Restelo ficaram colocados no grupo que integra o Basileia, que falhou o apuramento para a Liga dos Campeões, e a Fiorentina, equipa sempre difícil e atualmente treinada por Paulo Sousa.

E mesmo o adversário em teoria mais acessível, o Lech Póznan, será com certeza um osso duro de roer: é atual 3.º classificado do campeonato polaco,

Constituição de todos os grupos

Grupo A
Ajax (Holanda)
Celtic Glasgow (Escócia)
Fenerbahçe (Turquia)
Molde (Noruega)

Grupo B
Rubin Kazan (Rússia)
Liverpool (Ingltarerra)
Bordéus (França)
Sion (Suíça)

Grupo C
Borussia Dortmund (Alemanha)
PAOK (Grécia)
Krasnodar (Rússia)
Qabala (Azerbaijão)

Grupo D
Nápoles (Itália)
Club Brugge (Bélgica)
Legia Varsóvia (Polónia)
Midtjylland (Dinamarca)

Grupo E
Villarreal (Espanha)
Viktoria Plzen (República Checa)
Rapid Viena (Áustria)
Dínamo Minsk (Bielorrússia)

Grupo F
Marselha (França)
Sporting de Braga (Portugal)
Slovan Liberec (República Checa)
Groningen (Holanda)

Grupo G
Dnipro (Ucrânia)
Lazio (Itália)
Saint Étienne (França)
Rosenborg (Noruega)

Grupo H
Sporting (Portugal)
Besiktas (Turquia)
Lokomotiv Moscovo (Rússia)
Skenderbeu (Albânia)

Grupo I
Basileia (Suíca)
Fiorentina (Itália)
Lech Poznan (Polónia)
Belenenees (Portugal)

Grupo J
Tottenham (Inglaterra)
Anderlecht (Bélgica)
Mónaco (França)
Qarabag (Azerbaijão)

Grupo K
Schalke 04 (Alemanha)
Apoel Nicósia (Chipre)
Sparta Praga (República Checa)
Asteras Tripolis (Grécia)

Grupo L
Atlético Bilbau (Espanha)
AZ Alkmaar (Holanda)
Augsburgo (Alemanha)
Partizan Belgrado (Sérvia)