Siga-nos

Perfil

Expresso

Desporto

Ninguém pára os “VW boys”

  • 333

Os colegas de equipa Latvala e Ogier à conversa

PATRIK STOLLARZ

A dupla passagem pelos 45,61 km da especial de Panzerplatte, com os seus 103 cruzamentos, onde um engano é sempre possível, não alterou as primeiras posições do Rali da Alemanha: Sebastien Ogier e Jari-Matti Latvala na frente

O segundo dia da prova germânica não teve grande história, com Sebastien Ogier a ir, de forma progressiva, aumentando a vantagem sobre os seus perseguidores, que mantiveram as posições relativas, com exceção do norueguês Mads Ostberg (Citroen DS3 WRC9, que subiu de nono para sétimo, fazendo com que o estónio Ott Tanak e o australiano Hayden Paddom descessem um lugar na classificação.

Para o francês “foi um dia perfeito e estou muito contente. Procurámos conseguir a maior diferença possível em Panzerplatte, que era a chave para a decisão da prova”.

Apesar dos seus esforços, Jari-Matti Latvala não só não conseguiu neutralizar o atraso com que partiu para a etapa como viu o mesmo aumentar, restando-lhe a consolação de, em caso de segurar o segundo lugar, adiar a decisão do título para os antípodas (Austrália).

Tudo se conjuga, pois, para que a VW, cujas equipas monopolizam o pódio, consiga, finalmente, “ganhar em casa”, conseguindo dessa forma inscrever o seu nome na lista de vencedores de todos os ralis do campeonato.

O espanhol Dani Sordo (Hyundai i20 WRC) continua a ser o melhor dos outros e dispõe de escassos 9,5 s. de vantagem sobre o belga Thierry Neuville, seu colega de equipa, com a marca sul-coreana a caminho de ascender ao segundo lugar do Mundial de Construtores, por troca com a Citroen, que tem em Mads Ostberg o seu melhor representante, em sétimo, 3,2 s. atrás do inglês Elfyn Evans (Ford Fiesta RS WRC), para aquele que poderá ser um dos duelos mais emotivos da derradeira etapa.

Amanhã, os concorrentes cumprem as derradeiras quatro especiais, a última das quais dará, aos três mais rápidos, pontos suplementares.

Classificação geral, no final da 2.ª etapa:
1.º, Sebastien Ogier/Julien Ingrassia (VW Polo R WRC), 2.55.42,5
2.º, Jari-Matti Latvala/Mika Antilla (VW Polo R WRC), a 33,8 s.
3.º, Andreas Mikkelsen/Ola Floene (VW Polo R WRC), a 1.47,5
4.º, Dani Sordo/Marc Marti (Hyundai i20 WRC), a 2.14,3
5.º, Thierry Neuville/Nicolas Gilsoul (Hyundai i20 WRC), a 2.23,8
6.º, Elfyn Evans/Daniel Barrit (Ford Fiesta RS WRC), a 2.53,5
7.º, Mads Ostberg/Jonas Andersson (Citroen DS3 WRC), a 2.56,7
8.º, Ott Tanak/Raigo Molder (Ford Fiesta RS WRC), a 4.10,7
9.º, Hayden Paddon/John Kennard (Hyundai i20 WRC), a 4.34,6
10.º, Stephane Lefebvre/Stephane Prevot (Citroen DS3 WRC), a 4.43,3

  • “VW boys” são os mais rápidos

    Sem surpresa a VW dominou a primeira etapa do Rali da Alemanha, nona prova do Campeonato do Mundo, com os seus três pilotos a serem os mais rápidos em sete das oito especiais que integravam o percurso da etapa inaugural