Siga-nos

Perfil

Expresso

Desporto

Um abraço para o Mónaco. Do Sporting, com fraternidade

  • 333

Sporting queixou-se - e com razão - de um penálti por assinalar no jogo da Champions com o CSKA. Perante um caso semelhante que envolveu o Mónaco, os leões confortaram os monegascos


O Sporting recorreu esta quinta-feira ao Twitter para se mostrar solidário com o Mónaco, depois de mais um lance polémico devido a uma decisão do árbitro de baliza durante os jogos do “play-off” de acesso à Liga dos Campeões.

O clube do principado francês, que perdeu 3-1 com o Valencia, queixou-se de um penálti por assinalar sobre Martial quando o jogador sofreu uma “tesoura” de Gaya e o árbitro de baliza, diante do lance, nada assinalou.

Depois do apito final, o clube francês expressou nas redes sociais a sua irritação através de um post em que diz que “o árbitro teria sido assinalado penálti se usasse os óculos dos nossos patrocinadores”.

Tendo passado por uma situação semelhante na terça-feira diante do CSKA, quando um jogador da equipa russa usou a mão na área para impedir Slimani de cabecear, o Sporting decidiu mostrar-se solidário com o Mónaco.

A história repete-se

Em outubro do ano passado, o Sporting viveu uma situação semelhante na Champions - no caso frente ao Schalke 04, num jogo em Gelsenkirchen.

Mas se contra o CSKA o árbitro de baliza não viu a mão de um defesa russo, contra os alemães aconteceu o inverso: o árbitro de baliza assinalou o que não existia, confundindo a cabeça com a mão do jogador do Sporting Jonathan Silva.

O árbitro principal (devido a indicação do auxiliar) apontava assim para a marca de grande penalidade, já em períodos de descontos, quando o marcador estava 3-3. O Schalke convertia o penálti, o Sporting perdia o jogo e essa derrota seria decisiva na eliminação dos leões.