73
Anterior
'Jackpot' no Euromilhões
Seguinte
Famílias recorrem a prestações para pagar água
Página Inicial   >  Atualidade / Arquivo   >   Deco move ação judicial contra Apple

Deco move ação judicial contra Apple

Associação de defesa dos consumidores quer que Apple respeite a garantia gratuita de dois anos dos seus produtos.
Lusa |
DECO acusa Apple de enganar os clientes
DECO acusa Apple de enganar os clientes / EPA

A Deco interpõe hoje uma ação judicial contra a Apple para obrigar a multinacional a respeitar a garantia gratuita de dois anos dos seus produtos, conforme estabelece a lei.

"A lei comunitária e portuguesa dá uma garantia de dois anos para os bens móveis [como os computadores portáteis], mas a Apple não reconhece esta realidade. Após várias tentativas para cumprir estes direitos, sem sucesso, decidimos avançar com uma ação judicial popular", disse à Lusa o secretário-geral da Deco.

Jorge Morgado acusa a Apple de informar "enganosamente" os consumidores, aliciando-os a alargar a garantia para três anos através da compra do Plano de Proteção AppleCare que "nada" acrescenta à garantia legal de dois anos e que constitui uma prática comercial desleal, segundo a associação de defesa dos consumidores.

"Atropelo aos direitos dos consumidores"


"Vamos obrigar o tribunal a repor a legalidade, pois não temos dúvidas que há aqui um atropelo aos direitos dos consumidores", defendeu, recomendando aos clientes da multinacional que exijam o cumprimento legal da garantia de dois anos.

"Se não conseguirem que esse direito lhes seja reconhecido, pedimos que nos informem dessa ilegalidade, até para podermos exigir junto da Apple a sua reposição", aconselhou Jorge Morgado, explicando que a decisão do juiz sobre a ação judicial vai beneficiar todos os consumidores.

Esta ilegalidade da Apple em relação às garantias dos bens móveis está também a acontecer em outros países da Europa, onde a lei comunitária também impõe uma garantia de dois anos, e em Itália os tribunais estão já a apreciar uma ação interposta por uma congénere da Deco.

"Para nós esta é também uma ação judicial exemplar porque todos os anos temos reclamações sobre esta matéria", afirmou o presentante da Deco, adiantando que só no primeiro semestre deste ano a associação recebeu mais de 1300 reclamações das mais diferentes empresas que não reconhecem esta garantia legal.  


Opinião


Multimédia

Portugal foi herdado, comprado ou conquistado?

Era agosto em Lisboa e, às portas de Alcântara, milhares de homens lutavam por dois reis, participando numa batalha decisiva para os espanhóis e ainda hoje maldita. Aconteceu em agosto de 1580. Mais de 400 anos depois, o Expresso deu-lhe vida, fazendo uma reconstituição do confronto através do recorte e animação digital de uma gravura anónima da época.

A paixão do vinil

Se para muitos o vinil é apenas uma moda que faz parte da cultura do revivalismo vintage, para outros ver o disco girar nunca deixou de ser algo habitual.

Com Deus na alma e o diabo no corpo

Quem os vê de fora pode pensar que estão possuídos. Eles preferem sublinhar o lado espiritual e terapêutico desta dança - chamam-lhe "krump" e nasceu nos bairros pobres dos Estados Unidos. De Los Angeles para Chelas, em Lisboa, já ajudou a tirar jovens do crime. Ligue o som bem alto e entre com o Expresso no bairro. E faça o teste: veja se consegue ficar quieto.

O Cabo da Roca depois da tragédia que matou casal polaco

Os turistas portugueses e estrangeiros que visitam o Cabo da Roca, em Sintra, continuam a desafiar a vida nas falésias, mesmo depois da tragédia que resultou na morte de um casal polaco, cujos filhos menores estavam também no local. Durante a visita do Expresso, um segurança tentou alertar os turistas para o perigo e refere a morte do casal polaco. O apelo não teve grande efeito. Veja as imagens.

Ó Capitão! meu Capitão! ergue-te e ouve os sinos

Ele foi a nossa ama... desajeitada. Ele foi o professor que nos inspirou no liceu. Ele trouxe alegria, mesmo nas alturas mais difíceis. Ele indicou-nos o caminho na faculdade. Ele ensinou-nos a manter a postura, mas também a quebrar preconceitos. Ele ensinou-nos que a vida é para ser aproveitada a cada instante. Ó capitão, meu capitão, crescemos contigo e vamos ter de envelhecer sem ti. 

Crumble. A sobremesa mais fácil do mundo

Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida, especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Voámos num F-16

Um piloto da Força Aérea voou com uma câmara GoPro do Expresso e temos imagens inéditas e exclusivas para lhe mostrar num trabalho multimédia.

Salada de salmão com sorvete de manga

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Por faróis nunca dantes navegados

São a salvaguarda dos navegantes, a luz que tranquiliza o mar. Há 48 faróis em Portugal continental e nas ilhas. Este é um acontecimento único: todos os faróis e 1830 km de costa disponíveis num mesmo trabalho. Para entendê-los e vê-los, basta navegar neste artigo.

Parecem casulos onde gente hiberna à espera de ver terra

No Porto de Manaus não há barcos, mas autocarros bíblicos que caminham sobre água. Têm vários andares e estão cheios de camas de rede que parecem casulos onde homens, mulheres e crianças aguardam o destino. E há gente a vender o que houver e tiver de ser junto ao Porto. "Como há Copa, tem por aí muito gringo que vem ter com 'nóis'. E então fica mais fácil vender"

O adeus de Lobo Antunes às aulas de medicina

O neurocirurgião deu terça-feira a sua "Última Lição" no auditório do Instituto de Medicina Molecular da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, na véspera de deixar o seu trabalho no serviço nacional de saúde.

Jaguar volta a fabricar desportivo dos anos 60

Até ao verão será fabricado um número limitado de desportivos Jaguar E-Type Lightweight, seguindo todas as especificações originais, incluindo a continuação do número de série das unidades produzidas em 1963.

"Naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas"

Mais do que uma manifestação, o 'primeiro' 1º de Maio é recordado como a grande festa da Revolução dos Cravos, quando o povo saiu às ruas em massa e a união das esquerdas era um sonho possível. "O 1º de Maio seria mais uma primeira coisa, porque naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas." Foi há 40 anos.

Este trabalho não foi visado por qualquer comissão de censura

Aquilo que hoje é uma expressão anacrónica estava em relevo na primeira página do "República", a 25 de Abril de 1974: "Este jornal não foi visado por qualquer comissão de censura". Quarenta anos depois da Revolução, veja os jornais, ouça os sons e compreenda como decorreu o "dia inicial inteiro e limpo", como lhe chamou Sophia. O Expresso falou ainda com cinco gerações de 40 anos e percorreu a "geografia" das Ruas 25 de Abril de todo o país, falando com quem lá mora. Veja a reportagem multimédia.


Comentários 73 Comentar
ordenar por:
mais votados
QUANDO UM GOVERNO
COMETE TODO O TIPO DE ATROPELOS, QUAL A EMPRESA QUE NÃO OS IMITA?
A Apple quer impor as suas próprias regras
Sempre comparei a Apple a uma ditadura.
Quer mandar no mercado, quer mandar nos clientes, quer mandar nos programadores...
Re: A Apple quer impor as suas próprias regras
Re: A Apple quer impor as suas próprias regras
Re: A Apple quer impor as suas próprias regras
Re: A Apple quer impor as suas próprias regras
todos os anos têm reclamações
então todos os anos têm reclamações e só agora é que entram para tribunal? Mais, tendo em conta os tribunais portugueses, quando uma decisão for tomada ja os telemoveis a muito deixaram de funcionar e o reembolso ou idminização que irá ser dada será irrisória.

Como é possivel empresas violarem tão descaradamente a lei e não serem punidas de imediato? não será a ASAE (ou outra qualquer congenere que seja mais apropriada) capaz de lhes colocar uma multa e até retirar a licença para vender esses equipamentos em Portugal?
Re: todos os anos têm reclamações
Re: todos os anos têm reclamações
Re: todos os anos têm reclamações
UM CASO REAL DE SATISFAÇAO COM A GARANTIA APPLE
Acima da lei
Compreendo a razão porque lá fora consideram a lei portuguesas das mais "avançadas". Ora bem, com a lei portuguesa qualquer multinacional, pode e consegue, estar acima de qualquer outra entidade.
Já lá vão alguns anos que a lei obriga a uma garantia de 2 anos. Uma empresa portuguesa, se não cumprir, leva com a ASAE, defesa do consumidor, com multas, coimas e tudo a multiplicar pelo numero de vezes que actuaram ilegalmente e levando em conta o tempo em que decorreu o ilícito. Em suma: uma empresa portuguesa, em portugal, que não cumprisse a lei durante tanto tempo como a apple, garantidamente já tinha falido.
Não é aceitável, é ilegal, todos sabem, e ninguém de estado actua.
Não tenho equipamentos da apple, não porque não goste deles, mas sim porque não aceito as condições da empresa. São abusivas, e lesam o interesse de qualquer um.
Se o governo portugues impedisse o comercio de equipamentos da apple em portugal, tenho a certeza que a apple repensaria nas garantidas dadas aos clientes.
Re: Acima da lei
Re: Acima da lei
Uma Maça peculiar
Esta marca para mim é o sinonimo do consumismo.
Se não vejamos um comparativo entre os preços praticados entre os computadores desta marca e em seguida vejamos os preços dos computadores com as mesmas características praticados por outras marcas. A conclusão é simples, a Apple é mais cara!
E o que a Apple oferece para ser mais cara?
Um sistema operativo com algumas vantagens mas cheio de incompatibilidades com diversos programas!
Menor prazo de garantia, talvez por não acreditar na qualidade do seu produto, senão aconteceria o contrário!
E por ultimo computadores bonitos!

Acho que o maior número de pessoas que compra produtos desta marca compra pela última razão. Mas considero que os computadores desta marca têm algumas vantagens perante outros nalguns casos como é no caso da fotográfica e design gráfico.
Re: Uma Maça peculiar
Re: Uma Maça peculiar
Re: Uma Maça peculiar
UM CASO REAL DE SATISFAÇÃO COM A GARANTIA APPLE
Hummm
Veem aí os tablets da Microsoft com Windows 8 RT (Surface) e os telefones Windows Phone 8. Pode ser que um bocado de concorrencia mais a sério a Apple comece a entrar nos eixos... Já precisavam....
Re: Hummm
Re: Hummm
Re: Hummm
Re: Deco move ação judicial contra Apple
Não sou particular adepto da Apple. Tenho alguma experiência em computadores, com os quais trabalhei largo anos, mas não nas restantes plataformas.

A Apple é um case studie, um produto-religião. Os critérios de escolha dos consumidores parecem não se aplicar. Muitos teóricos afirmam que não existe fidelização de marca, mas a Apple prova o contrário.

Se no início os produtos eram de superior qualidade, hoje essa diferença foi esbatida ou desapareceu. Actualmente os Mac, por exemplo, são bonitas peças de design com boa performance, um preço muito acima da média, mas sobretudo uma religião.

Não sou religioso e seguramente que não basearei as minhas escolhas exclusivamente com base no design ou se determinado produto é "trendy" ou não.

Se comprasse actualmente um carro novo, compraria um Dacia. Acho que diz o suficiente de mim para saber que não comprarei Apple até que o preço se equipare às restantes soluções.
Re: Deco move ação judicial contra Apple
Re: Deco move ação judicial contra Apple
Re: Deco move ação judicial contra Apple
Re: Deco move ação judicial contra Apple
Re: Deco move ação judicial contra Apple
Re: Deco move ação judicial contra Apple
Re: Deco move ação judicial contra Apple
Re: Deco move ação judicial contra Apple
Re: Deco move ação judicial contra Apple
Re: Deco move ação judicial contra Apple
Apple = fiabilidade
Desde há 8 anos que tenho produtos Apple e não tenho razão de queixa!
A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a lei
A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a lei
... do pais onde opera.
Tenho vários produtos Apple e nunca fiz uma extensão de garantia por achar que os 2anos de garantia são suficientes, o que se tem revelado acertado. Os produtos Apple são inovadores, bem desenhados, e são duráveis. Todos os que se avariaram comigo, foi por maus tratos .
É claro que há produtos equivalentes a preço muito inferior, mas aí é como tudo o que consumimos, há jaguares e há hyundais...
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Re: A Apple como qualquer empresa tem de cumprir a
Tenho vários produtos da Apple...
...que nunca avariaram (desde logo um ponto a favor da marca)! E quando comprei o portátil no Corte Inglês, foi me dito que a garantia era de 2 anos - se calhar dizem isto por dizer, mas como nunca tive qualquer problema nunca pude comprovar...
Re: Tenho vários produtos da Apple...
Comentários 73 Comentar

Últimas

Ver mais

Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Pub