Siga-nos

Perfil

Expresso

Cultura

"Sir Fernando Pessoa - O relógio de bolso que esconde uma história". Esta sexta-feira na Gulbenkian

  • 333

Os livros "O jogo de duplos na poesia de Sá-Carneiro", "Sir Fernando Pessoa - O relógio de bolso que esconde uma história" e "Judite Teixeira, Poesia e Prosa", são apresentados esta sexta-feira na Gulbenkian no Congresso Internacional Orpheu 100 anos.

O terceiro dia dos trabalhos do Congresso Internacional Orpheu 100 anos é [também] marcado pela apresentção dos livros "Judite Teixeira, Poesia e Prosa, Organização e estudos introdutórios" da autoria de Cláudia Pazos Alonso e Fabio Mario da Silva, "O jogo de duplos na poesia de Sá-Carneiro" de Roberto Pontes e  (Prémio Nacional de Literatura PEN Clube do Brasil 2014) e "Sir Fernando Pessoa - O relógio de bolso que esconde uma história" de Maria Antónia Teixeira.

Este congresso luso-brasileiro tem uma réplica em São Paulo no final de maio. A programação dos dois momentos do congresso internacional pode ser consultada aqui . A comissão organizadora em Portugal é presidida por Dionísio Vila Maior da Universidade de Coimbra, e dela também fazem parte - entre outros - Annabela Rita, José Eduardo Franco, Miguel Real e Giorgio de Marchis.

Os trabalhos deste congresso luso-brasileiro que começou quarta-feira na Fundação Gulbenkian incluem setenta conferências, especialistas de todo o mundo e os mais variados temas. O Congresso Internacional Orpheu 100 anos. A sessão de encerramento decorre amanhã no Centro Cultural de Belém, vai ser um dos maiores e mais completos espaços de reflexão e debate sobre a revista Orpheu, o 'furacão' modernista que há 100 anos abanou a sociedade portuguesa.