Siga-nos

Perfil

Expresso

Ócio

Vírus informático ataca utilizadores de jogos eróticos

Um novo vírus japonês rouba dados e chantageia internautas que tenham feito download ilegal dos jogos eróticos "hentai".

Chama-se "Kenzero" e é um vírus informático que nos útlimos dias já infectou mais de 5 mil pessoas no Japão. Em comum, os internautas infectados têm duas coisas: Usam a rede de partilha de ficheiros "Winni" e fizeram download ilegal dos jogos eróticos "hentai".

O vírus, do tipo "Trojan", tem por objectivo roubar dados dos computadores que ataca. "Kenzero" camufla-se como uma página de instalação do jogo e pede informações pessoais do utilizador. De seguida, o programa copia as imagens do desktop do computador e o seu histórico de navegação. Estas informações são posteriormente expostas num site, ficando visíveis a qualquer internauta.

Para remover as informações do site, o utilizador é chantageado com um e-mail ou um pop-up que exige o pagamento de cerca de 500 euros para resolver a questão de "violação da lei de direitos de autor" e para que os dados sejam removidos da lista negra.

O vírus foi detectado no Japão, mas há já relatos de variantes do mesmo na Europa.