Siga-nos

Perfil

Expresso

Cultura

O Super Rock trocou a poeira pelo cimento e a praia pelo Tejo

No 20º aniversário do festival, a festa faz-se no Parque das Nações, entre os dias 16 e 18 de julho de 2015

NUNO FOX

Florence and The Machine são o primeiro nome confirmado. Tocam a 18 de julho.

O Super Rock regressa ao Tejo na edição de 2015, para mais três dias de concertos. O anúncio foi feito esta quarta-feira por Luis Montez, diretor da Música no Coração, promotora do festival. A 21ª edição do festival vai acontecer no Parque das Nações, entre 16 e 18 de julho de 2015.

Para trás ficam esses dias de calor e poeira no Meco, em Sesimbra, onde o festival aconteceu desde 2010, marcados por alguns problemas relacionados com o espaço (como as nuvens de poeira), que a organização foi tentando resolver através, por exemplo, da criação de mais espaços verdes.

Para o próximo ano, o festival promete um conceito urbano, sem praia e sem campismo gratuito. Vão ser ocupados quatro espaços no Parque das Nações: as salas Atlântico (com o palco Super Bock, o principal) e Sala Tejo (com o palco Carlsberg) do Pavilhão Atlântico, o Pavilhão de Portugal (com o palco EDP) e a Doca dos Olivais (com o palco Antena 3, por onde vão passar os novos talentos da música portuguesa).

Em conferência de imprensa realizada esta quarta-feira ao final da manhã, Luis Montez, citado pela Lusa, destacou as "condições únicas", e as "boas infraestruturas" do local escolhido, bem como a centralidade e as facilidades de acesso ao festival, com a proximidade de estações de metro, comboio, terminal de autocarros e acesso a Espanha pela Ponte Vasco da Gama.

Os britânicos Florence and The Machine, que preparam o terceiro álbum, já confirmaram a presença no festival. Atuam no último dia, 18 de julho, e são umas das bandas cabeças de cartaz. Liderados por Florence Welsh, a banda estreou-se em Lisboa em março de 2010, seguindo-se uma segunda atuação em Julho desse ano.