Siga-nos

Perfil

Expresso

Cultura

Morreu o escritor que teorizou sobre a misteriosa morte do Papa João Paulo I

  • 333

Luís Miguel Rocha foi vítima de doença prolongada. Morreu em casa, em Mazarefes, depois de ter estado internado no Hospital de Viana do Castelo

DR

O escritor de "O Último Papa", que chegou ao top do jornal "The New York Times", em 2009, morreu hoje vítima de doença prolongada.

Luís Miguel Rocha tornou-se conhecido em 2006 como o lançamento do livro "O Último Papa", embora tivesse publicado um ano antes "Um País Encantado". 

Em "O Último Papa", Luís Miguel Rocha teoriza sobre a misteriosa morte de Albino Luciani, o Papa João Paulo I. A obra foi um "bestseller" internacional e chegou mesmo ao top do jornal "The New York Times".  

Nascido no Porto, em 1976, Luís Miguel Rocha escreveu um ano depois deste 'bestseller' "Bala Santa", e ainda mais três obras: em 2009, "A Virgem"; em 2011, "A Mentira Sagrada"; e em 2013 "A Filha do Papa". 

Antes de ser escritor, foi também tradutor, repórter de imagem e guionista. Na TVI, foi responsável pela transmissão das missas.  

De acordo com a família, que anunciou esta manhã a sua morte, Luís Miguel Rocha foi vítima de doença prolongada. Morreu em casa, em Mazarefes, depois de ter estado internado no Hospital de Viana do Castelo.