Siga-nos

Perfil

Expresso

Cultura

A banda sonora do próximo filme de Spielberg não será de John Williams

  • 333

Pela primeira vez em três décadas, o músico e compositor John Williams não vai criar a banda sonora do próximo filme de Steven Spielberg.

Mudanças são previstas para o próximo trabalho de Steven Spielberg, o "Bridge of Spies". Os sons já familiares das bandas sonoras de John Williams, pela primeira vez em três décadas, não farão parte de um filme dirigido pelos realizador norte-americano.

A DreamWorks Pictures anunciou esta quarta-feira que o filme, a ser lançado a 16 de outubro, terá a banda sonora composta pelo músico Thomas Newman, com trabalhos em filmes como o "007 - Operação Skyfall". "The Bridge of Spies" retrata o período da Guerra Fria e é baseado em factos reais. Tom Hanks será um advogado de Brooklyn, responsável por negociar a liberdade de um piloto norte-americano capturado.

A última vez que Spielberg dirigiu um filme sem música de John Williams foi em 1985, em "A Cor Púrpura". Já em "The BFG", uma adaptação do livro de Roald Dahl que começará a ser filmado este ano, o compositor John Williams volta a trabalhar com Spielberg.

A parceria entre o compositor e o cineasta teve início na década de 70. John Williams já foi nomeado ao Oscar por diversas vezes, e ganhou cinco prémios, entre eles, o de melhor banda sonora original em "Star Wars", de 1977, e "E.T - Extraterrestre", de 1982.