Expresso

Siga-nos

Perfil

Perfil

Cultura

50 obras de arte que toda a gente deve ver

  • 333

Meia centena de obras de arte fundamentais para ver em todo o mundo, mas também em Portugal.

A tarefa é ciclópica e as opções necessariamente subjetivas, mas escolher 50 obras de arte essenciais em toda a história da arte é não apenas um exercício de divulgação mas também uma forma de os críticos apresentarem a sua família mais chegada.

Esta seleção teve dois critérios primordiais: a eleição de obras formadoras para quem escolheu (cultural e afetivamente) e a inclusão de uma boa percentagem das obras que se podem ver em Portugal. Ninguém viu tudo nem valoriza tudo da mesma maneira, mas também isso torna interessante o ter de escolher. Podem não estar aqui todos os tesouros que deveríamos ver, mas os que estão valem, certamente, cada uma das viagens.

Escolhas de Celso Martins, Jorge Calado e José Luís Porfírio

.
FONTE (1917) Marcel Duchamp
1 / 50

FONTE (1917) Marcel Duchamp

GRUTA DE LAUSCAUX (Paleolítico) Montignac, França
2 / 50

GRUTA DE LAUSCAUX (Paleolítico) Montignac, França

SANTO AGOSTINHO (c. 1465) Piero Della Francesca, Museu Nacional de Arte Antiga, Lisboa
3 / 50

SANTO AGOSTINHO (c. 1465) Piero Della Francesca, Museu Nacional de Arte Antiga, Lisboa

PAINÉIS DE SÃO VICENTE DE FORA (1470-80), Nuno Gonçalves, Museu Nacional de Arte Antiga, Lisboa
4 / 50

PAINÉIS DE SÃO VICENTE DE FORA (1470-80), Nuno Gonçalves, Museu Nacional de Arte Antiga, Lisboa

ESTÁTUA EQUESTRE DE COLLEONE (1494), Andrea Del Verrocchio, Campo de São João e São Paulo, Veneza
5 / 50

ESTÁTUA EQUESTRE DE COLLEONE (1494), Andrea Del Verrocchio, Campo de São João e São Paulo, Veneza

PAISAGEM COM A QUEDA DE ÍCARO (c. 1558), Pieter Brueghel, Museus Reais de Belas-Artes da Bélgica, Bruxelas
6 / 50

PAISAGEM COM A QUEDA DE ÍCARO (c. 1558), Pieter Brueghel, Museus Reais de Belas-Artes da Bélgica, Bruxelas

PIETÁ RONDANINI (1564), Miguel Ângelo, Castelo Sforzesco, Milão
7 / 50

PIETÁ RONDANINI (1564), Miguel Ângelo, Castelo Sforzesco, Milão

ENTERRO DO CONDE ORGAZ (1587), El Greco, Igreja de São Tomé, Toledo
8 / 50

ENTERRO DO CONDE ORGAZ (1587), El Greco, Igreja de São Tomé, Toledo

A VOCAÇÃO DE SÃO MATEUS (1808-10), Michelangelo Merisi da Caravaggio, Igreja de São Luís dos Franceses, Roma
9 / 50

A VOCAÇÃO DE SÃO MATEUS (1808-10), Michelangelo Merisi da Caravaggio, Igreja de São Luís dos Franceses, Roma

A RONDA DA NOITE (1642), Rembrandt van Rijn, Rijksmuseum, Amesterdão
10 / 50

A RONDA DA NOITE (1642), Rembrandt van Rijn, Rijksmuseum, Amesterdão

AS MENINAS (1656), Diego Velásquez, Museu do Prado, Madrid
11 / 50

AS MENINAS (1656), Diego Velásquez, Museu do Prado, Madrid

A RENDEIRA (1669-70), Johannes Vermeer, Museu do Louvre, Paris
12 / 50

A RENDEIRA (1669-70), Johannes Vermeer, Museu do Louvre, Paris

MONGE À BEIRA MAR (1808-10), Caspar David Friedrich, Alte Nationalgalerie, Berlim
13 / 50

MONGE À BEIRA MAR (1808-10), Caspar David Friedrich, Alte Nationalgalerie, Berlim

CÃO AFUNDANDO-SE (c. 1820), Francisco de Goya y Lucientes, Museu do Prado, Madrid
14 / 50

CÃO AFUNDANDO-SE (c. 1820), Francisco de Goya y Lucientes, Museu do Prado, Madrid

ESBOÇO PARA O CAVALO A SALTAR (1824-25), John Constable, Museu Victoria & Albert, Londres
15 / 50

ESBOÇO PARA O CAVALO A SALTAR (1824-25), John Constable, Museu Victoria & Albert, Londres

QUILLEBEUF, FOZ DO SENA (1833), J. M. W. Turner, Museu Calouste Gulbenkian, Lisboa
16 / 50

QUILLEBEUF, FOZ DO SENA (1833), J. M. W. Turner, Museu Calouste Gulbenkian, Lisboa

VESÚVIO (188?), Henrique Pousão, Museu Nacional de Soares dos Reis, Porto
17 / 50

VESÚVIO (188?), Henrique Pousão, Museu Nacional de Soares dos Reis, Porto

O GRITO (c. 1900), Edvard Munch, Galeria Nacional, Oslo
18 / 50

O GRITO (c. 1900), Edvard Munch, Galeria Nacional, Oslo

AUTORRETRATO (c. 1900), Aurélia de Sousa, Museu Nacional de Soares dos Reis, Porto
19 / 50

AUTORRETRATO (c. 1900), Aurélia de Sousa, Museu Nacional de Soares dos Reis, Porto

A ALEGRIA DE VIVER (1905-06), Henri Matisse, Museu D’Orsay, Paris
20 / 50

A ALEGRIA DE VIVER (1905-06), Henri Matisse, Museu D’Orsay, Paris

O ANTIGO COLÉGIO DE CHANAC, 12 RUA DE BIÈVRE, 5.º BAIRRO, PARIS, AGOSTO DE 1900 (1907), Eugène Atget, Museu Carnavalet, Paris
21 / 50

O ANTIGO COLÉGIO DE CHANAC, 12 RUA DE BIÈVRE, 5.º BAIRRO, PARIS, AGOSTO DE 1900 (1907), Eugène Atget, Museu Carnavalet, Paris

A ENCANTADORA DE SERPENTES (1907), Henri Rousseau, Museu D’Orsay, Paris
22 / 50

A ENCANTADORA DE SERPENTES (1907), Henri Rousseau, Museu D’Orsay, Paris

AS MENINAS DE AVINHÃO (c. 1907), Pablo Picasso, Museu de Arte Moderna, Nova Iorque
23 / 50

AS MENINAS DE AVINHÃO (c. 1907), Pablo Picasso, Museu de Arte Moderna, Nova Iorque

AS TENTAÇÕES DE SANTO ANTÃO (c. 1495-1500), Jerónimo Bosch, Museu Nacional de Arte Antiga, Lisboa
24 / 50

AS TENTAÇÕES DE SANTO ANTÃO (c. 1495-1500), Jerónimo Bosch, Museu Nacional de Arte Antiga, Lisboa

PRIMEIRA AGUARELA ABSTRATA (c. 1910), Wassiliy Kandinsky, Museu Nacional de Arte Moderna, Centro Georges Pompidou, Paris
25 / 50

PRIMEIRA AGUARELA ABSTRATA (c. 1910), Wassiliy Kandinsky, Museu Nacional de Arte Moderna, Centro Georges Pompidou, Paris

TÍTULO DESCONHECIDO (ENTRADA) (1917), Amadeo de Sousa Cardoso, CAMJAP, Gulbenkian, Lisboa
26 / 50

TÍTULO DESCONHECIDO (ENTRADA) (1917), Amadeo de Sousa Cardoso, CAMJAP, Gulbenkian, Lisboa

O GRANDE VIDRO (1915-23), Marcel Duchamp, Museu de Arte, Filadélfia
27 / 50

O GRANDE VIDRO (1915-23), Marcel Duchamp, Museu de Arte, Filadélfia

PASTELEIRO (1928), August Sander, Tate Modern, Londres
28 / 50

PASTELEIRO (1928), August Sander, Tate Modern, Londres

LAMBRIL (1930-31), Clément Fraisse, Collection de L’Art Brut, Lausana
29 / 50

LAMBRIL (1930-31), Clément Fraisse, Collection de L’Art Brut, Lausana

SUNBAKER (TORRANDO AO SOL) (1937), Max Dupain, Royal Academy, Londres
30 / 50

SUNBAKER (TORRANDO AO SOL) (1937), Max Dupain, Royal Academy, Londres

GUERNICA (1937), Pablo Picasso, Museu Reina Sofia, Madrid
31 / 50

GUERNICA (1937), Pablo Picasso, Museu Reina Sofia, Madrid

BROADWAY BOOGIE-WOOGIE (1942-43), Piet Mondrian, Museu de Arte Moderna, Nova Iorque
32 / 50

BROADWAY BOOGIE-WOOGIE (1942-43), Piet Mondrian, Museu de Arte Moderna, Nova Iorque

CHAMINÉS, WEST 20TH ST. (1943), André Kertész, Stephen Bulger Gallery, Toronto, (Copyright: Estate of André Kertész, cortesia da Stephen Bulger Gallery)
33 / 50

CHAMINÉS, WEST 20TH ST. (1943), André Kertész, Stephen Bulger Gallery, Toronto, (Copyright: Estate of André Kertész, cortesia da Stephen Bulger Gallery)

HOTEL EDEN (1945), Joseph Cornell, Galeria Nacional do Canadá, Otava
34 / 50

HOTEL EDEN (1945), Joseph Cornell, Galeria Nacional do Canadá, Otava

EMIGRANTES (1947-49), Almada Negreiros, Mural da Estação Marítima da Rocha do Conde de Óbidos, Lisboa
35 / 50

EMIGRANTES (1947-49), Almada Negreiros, Mural da Estação Marítima da Rocha do Conde de Óbidos, Lisboa

ALMOÇO DO TROLHA (1946-50), Júlio Pomar, Coleção Manuel Torres, Lisboa
36 / 50

ALMOÇO DO TROLHA (1946-50), Júlio Pomar, Coleção Manuel Torres, Lisboa

ESTUDO A PARTIR DO RETRATO DO PAPA INOCÊNCIO X DE VELÁSQUEZ (1953), Francis Bacon, Des Moines Art Center, Iowa
37 / 50

ESTUDO A PARTIR DO RETRATO DO PAPA INOCÊNCIO X DE VELÁSQUEZ (1953), Francis Bacon, Des Moines Art Center, Iowa

ORANGE AND YELLOW (1956), Mark Rothko, Galeria Albright-Knox, Buffalo, Nova Iorque
38 / 50

ORANGE AND YELLOW (1956), Mark Rothko, Galeria Albright-Knox, Buffalo, Nova Iorque

(32) CAMPBELL SOUP CANS (1962), Andy Warhol, Museu de Arte Moderna, Nova Iorque
39 / 50

(32) CAMPBELL SOUP CANS (1962), Andy Warhol, Museu de Arte Moderna, Nova Iorque

MONUMENTO A D. SEBASTIÃO (1973), João Cutileiro, Lagos
40 / 50

MONUMENTO A D. SEBASTIÃO (1973), João Cutileiro, Lagos

OS CRIMINOSOS E AS SUAS PROPRIEDADES (1974), Álvaro Lapa, CAMJAP, Gulbenkian, Lisboa
41 / 50

OS CRIMINOSOS E AS SUAS PROPRIEDADES (1974), Álvaro Lapa, CAMJAP, Gulbenkian, Lisboa

PINTURA HABITADA (1976), Helena Almeida, CAMJAP, Gulbenkian, Lisboa
42 / 50

PINTURA HABITADA (1976), Helena Almeida, CAMJAP, Gulbenkian, Lisboa

PORTUGAL (1987), Gérard Castello-Lopes, Logoplaste, Cascais
43 / 50

PORTUGAL (1987), Gérard Castello-Lopes, Logoplaste, Cascais

DECORAÇÃO DA ESTAÇÃO DO METRO DO JARDIM ZOOLÓGICO (1995), Júlio Resende, Lisboa
44 / 50

DECORAÇÃO DA ESTAÇÃO DO METRO DO JARDIM ZOOLÓGICO (1995), Júlio Resende, Lisboa

DURANTE O SONO (2002), Rui Chafes, CAMJAP, Gulbenkian, Lisboa
45 / 50

DURANTE O SONO (2002), Rui Chafes, CAMJAP, Gulbenkian, Lisboa

A MATTER OF TIME (2005), Richard Serra, Museu Guggenheim, Bilbau
46 / 50

A MATTER OF TIME (2005), Richard Serra, Museu Guggenheim, Bilbau

CANTO DA SALA RÚSTICA DE UMA FAMÍLIA PORTUGUESA, TRURO, MASSACHUSETTS (1930), Walker Evans, Arquivo Municipal de Lisboa, Núcleo Fotográfico
47 / 50

CANTO DA SALA RÚSTICA DE UMA FAMÍLIA PORTUGUESA, TRURO, MASSACHUSETTS (1930), Walker Evans, Arquivo Municipal de Lisboa, Núcleo Fotográfico

A CLOSER WINTER TUNNEL (TÚNEL DE INVERNO) (2006), David Hockney, Art Gallery of New South Wales, Sydney
48 / 50

A CLOSER WINTER TUNNEL (TÚNEL DE INVERNO) (2006), David Hockney, Art Gallery of New South Wales, Sydney

MISSISSIPPI (2008), Lee Friedlander, Fraenkel Gallery, São Francisco
49 / 50

MISSISSIPPI (2008), Lee Friedlander, Fraenkel Gallery, São Francisco

CRATERA RODEN (1987), James Turrell, Deserto do Arizona
50 / 50

CRATERA RODEN (1987), James Turrell, Deserto do Arizona