Siga-nos

Perfil

Expresso

Cultura

“Instinct” copiou “Bones” ou será apenas coincidência?

A série criada por Michael Rauch está envolta em polémica desde o último domingo. Os fãs de “Bones” perceberam que o episódio de “Instinct” transmitido pela CBS contava uma história já apresentada na antiga série da FOX

d.r.

A série da CBS “Instinct”, criada por Michael Rauch, está a ser acusada de plágio depois da transmissão do seu terceiro episódio nos Estados Unidos, este domingo. Em causa está o argumento do capítulo exibido na televisão norte-americana, que apresenta muitas semelhanças com o que a série “Bones” apresentou há já vários anos.

Em 'Secrets and Lies' — que será exibido em Portugal na próxima terça-feira, pelas 21h45, no TVSéries —, a série protagonizada por Alan Cumming apresenta a história de um adolescente amish que é assassinado depois de se mudar para a grande cidade, seguindo-se a investigação do homicídio. Os responsáveis acabam por decidir investigar o professor de piano da vítima (depois de encontrarem palitos de gelado que lembram teclas de piano). O guião poderia parecer original aos que não viram “Bones”, mas os fãs da série norte-americana rapidamente identificaram as semelhanças.

A verdade é que em 'The Plain in the Prodigy' (temporada 5, episódio 3), a série “Bones” apresentava também o assassínio de um jovem amish, que se mudou para a grande cidade, e as pistas apontavam também para o professor de piano da vítima. A diferença é que em “Bones” tinha sido encontrada uma coleção de pedras que se pareciam com teclas de piano, mas era mais o que unia os dois argumentos do que aquilo que os separava.

Michael Rauch já reagiu à polémica através da rede social Twitter, onde escreveu que a situação é “muito angustiante” e que se tratou de algo “100% não intencional”. O criador garantiu ainda que vai investigar o caso para se “certificar de que não volta a acontecer”. Rauch aproveitou ainda a mesma publicação para pedir desculpa a “Bones” e aos fãs da série. Quanto ao apuramento de responsabilidades, tudo aponta para que a culpa seja de Christopher Ambrose, que escreveu o argumento do episódio de “Instinct” e que foi produtor e argumentista de “Bones”. Até ao momento, a CBS ainda não reagiu ao sucedido de forma oficial.