Siga-nos

Perfil

Expresso

Cultura

Chucho Valdés e Joe Lovanno na abertura do Outono em Jazz da Casa da Música

  • 333

D.R.

Dois grandes nomes do jazz no regresso de um festival com lugar cativo na programação anual da Casa

Gravam ambos habitualmente para a editora Blue Note, andam há longos anos a pisar os palcos do mundo, mas só agora, e pela primeira vez, estão reunidos para tocar num quinteto. O saxofonista Joe Lovano junta-se ao pianista Chucho Valdés para uma promissora noite de música programada para esta quinta-feira, a partir das 21h, na Sala Suggia da Casa da Música, no Porto. Ambos possuidores de um multifacetado reportório, materializado nos múltiplos discos gravados ao longo das respetivas carreiras, surgem, assim, a abrir mais uma edição do Outono em Jazz, o festival organizado pela casa da Música.

Esta sexta-feira é a vez de Sara Gazarek. É uma das novas vozes do jazz e tem vindo a conquistar terreno nos locais mais insuspeitados. Com 30 anos e apenas três discos gravados, recebeu grandes elogios da crítica do jornal “Los Angeles Times.

Sábado entram em cena o pianista suíço nascido na Tunísia, Moncef Genoud, e Selma Uamusse, uma voz poderosa, de origem moçambicana, mas residente em Lisboa. Genoud é apresentado como sendo um dos músicos mais representativos do jazz feito na Suíça. Tocou já com Dee Dee Bridgewater, Bill Stewart, Jack DeJohnette e muitos outros. Após doze álbuns como líder de um trio, editou no final do ano passado o seu primeiro disco a solo, “Live in Cully”. Selma Uamusse acompanhou Rodirgo Leão numa recente digressão, participou em vários concertos dedicados a Nina Simone e apresenta agora o seu novo disco.

O festival prossegue na próxima semana, com destaque para a noite em que atuam Maria João & Guinga, além de Dino Saluzzi.