Siga-nos

Perfil

Expresso

Cultura

Prince morreu de overdose? Site TMZ sugere que sim

  • 333

Getty

O site de celebridades que noticiou em primeira mão a morte de Michael Jackson e de Prince garante que o cantor de Minneapolis recebeu tratamento hospitar por overdose há uma semana. Terá abusado novamente das drogas? Autópsia dissipará as dúvidas

O site especializado em celebridades TMZ, o mesmo que deu em primeira mão a morte de Michael Jackson e de Prince, avança que o cantor de Minneapolis recebeu um tratamento hospitar por overdose, seis dias antes de morrer.

Várias fontes ouvidas pelo site norte-americano explicam que Prince entrou de urgência no Hospital de Moline, no Estado de Illinois, após uma aterragem de emergência do seu jato privado naquela cidade. Horas antes tinha atuado num concerto em Atlanta.

Na altura, os representantes do artista garantiam que o tratamento se devia a uma gripe, uma versão que o TMZ coloca em causa.

Segundo o site, os médicos deram uma injeção de adrenalina ("save shot") que reverte os efeitos dos opiácios.

Os médicos do hospital terão aconselhado Prince a ficar internado durante 24 horas mas a equipa do cantor terá recusado depois de saber que não havia na altura um quarto privado disponível. Três horas depois de entrar nas urgências Prince saíu do hospital.

Alguns jornais ingleses, como o Independent, o Telegraph e o Daily Mail, os franceses Le Figaro, o L'Obs e o Le Parisien bem como os espanhóis El Mundo e ABC avançam também com a notícia, citando o TMZ.

As autoridades emitiram um comunicado anunciando que estão ainda a investigar as causas da morte do cantor. O corpo de Prince vai ser autopsiado e os resultados deverão esclarecer as razões da sua morte.

Segundo o The New York Times, nos últimos dias, Prince foi visto a andar de bicicleta, a frequentar um clube de jazz e a dar uma festa. Há uma semana estava suficientemente saudável para dar o que viria a ser o seu último concerto, no Fox Theater, em Atlanta, depois dos espectáculos que tinham sido cancelados no início do mês.

No concerto de Atlanta, Prince confessou aos fãs que tinha estado "um pouco adoentado" a 7 de abril, data para que o concerto estava originalmente previsto. "Mas agora estamos aqui", disse.