Siga-nos

Perfil

Expresso

Cultura

Paulo Branco vai produzir o Dom Quixote do Monty Python Terry Gilliam

  • 333

GETTY

O filme é uma adaptação livre do famoso romance de Cervantes que está há longos anos para ser concretizada. A rodagem arranca em setembro e decorrerá em Espanha e Portugal

“The Man who Killed Don Quixote” (“O Homem que Matou Dom Quixote”) é uma adaptação livre do famoso romance “Dom Quixote de La Mancha”, de Miguel de Cervantes, que o realizador norte-americano Terry Gilliam anda há anos a tentar concretizar e que irá agora avançar sob a produção do português Paulo Branco.

A rodagem arranca em setembro e decorrerá em Espanha e Portugal, segundo refere a Leopardo Filmes, de Branco.

O orçamento é de 16 milhões de euros e a produção será da Alfama Filmes (produtora de Branco sediada em Paris), da espanhola Tornasol e da Leopardo, indica a “Variety”. O argumento é de Terry Gilliam e Tony Grisoni.

Gilliam – o realizador norte-americano que esteve por detrás das delirantes séries e filmes Monty Python – já tentou por inúmeras concretizar o projeto. Uma das tentativas fracassadas deu inclusive lugar ao documentário “Lost in La Mancha” (“Perdido na Mancha”), de 2002, quando o projeto contava com Johnny Depp entre os principais papéis.

Na segunda tentativa, o filme tinha Ewan McGregor e Robert Duvall no elenco, mas não chegou a avançar devido a ausência de financiamento. Na última, John Hurt e Jack O'Connell surgiam nos principais papéis. Mas ficou em suspenso por ter sido diagnosticado a Johnn Hurt um cancro do pâncreas no início do ano passado. O ressuscitar do projeto ocorre após os médicos terem indicado em outubro passado que o ator se encontrava recuperado.