Siga-nos

Perfil

Expresso

Cultura

Bowie em Portugal. Só duas passagens por Lisboa

  • 333

BERTRAND GUAY/GETTY IMAGES

Estreou-se no nosso país em 1990, no antigo estádio de Alvalade, e voltou seis anos depois para atuar no Passeio Marítimo de Alcântara. David Bowie devia ter regressado em 2004, mas o concerto foi cancelado

No antigo estádio José Alvalade, em 1990, e de novo em Lisboa, para a segunda edição do festival Super Bock Super Rock, David Bowie atuou em Portugal duas vezes, ficando por concretizar um terceiro concerto, em 2004. Nesse ano, em que deveria ter passado pelo Estádio do Dragão, no Porto, o cantor foi forçado a cancelar o espetáculo por razões de saúde - foi submetido a uma angioplastia - e o regresso nunca mais aconteceu.

Em 2013, a revista “Blitz” recordava o concerto da estreia de Bowie em Portugal, a 14 de setembro de 1990, integrado na digressão Sound + Vision: “O músico chegou no dia anterior, depois de uma viagem de automóvel a partir de Madrid, e consigo trouxe um médico, uma enfermeira e um fisioterapeuta”.

O site do Sporting recorda que 20 mil pessoas aplaudiram o cantor britânico, que haveria de voltar seis anos depois como grande chamariz do festival Super Bock Super Rock, realizado no Passeio Marítimo de Alcântara.

Foi a 23 de junho de 1996, mas num dia aziago, como contou a “Blitz”. Jogava na mesma noite a seleção portuguesa contra a República Checa, jogo dos quartos de final do Europeu de futebol. A venda de bilhetes foi fraca “e a organização viu-se obrigada a abrir as portas do festival para conseguir encher o espaço”.

Novo azar a 17 de julho de 2004, mas desta vez pelos problemas cardíacos de David Bowie, a causa para o concerto do Porto ser cancelado. Ainda se falou na hipótese de o espetáculo vir a ser realizado no Pavilhão Atlântico, em Lisboa, mas o regresso do “camaleão” ficou mesmo sem efeito.