Siga-nos

Perfil

Expresso

Cultura

Irmãos Marx na Gulbenkian? Deve ser P’ra Rir

  • 333

"Um Dia nas Corridas" é um divertido filme dos Irmãos Marx. Groucho interpreta o Dr. Hugo Z. Hackenbush, Chico é Tony e Harpo surge no papel de Stuffy

D.R.

Lançamento do catálogo do ciclo “P’ra Rir”, que marcou o regresso do cinema à Fundação Gulbenkian, acontece este sábado às 21h30

Esta é uma das sugestões para um fim de semana com o melhor da cultura. Para os fãs dos irmãos Marx, para os cinéfilos, para os curiosos. Para todos os que pensem neste sábado como "Um Dia Nas Corridas".

O filme de 1937, nomeado para os Óscares nos primórdios do galardão, é exibido pelas 21h30 no Grande Auditório da Fundação Gulbenkian, em Lisboa. Este filme, realizado por Sam Wood, pega numa temática típica dos filmes com Grouxo, Chico e Harpo Marx. Um problema à partida sem solução.

Quando um grupo económico quer tornar o Sanatório num Casino, é tempo de o Dr. Hugo Z. Hackenbush, Tony e Stuffy ajudarem a evitar o pior. Mas melhor do que descrever o filme — que acabou por dar nome, pela segunda vez, a um álbum dos Queen —, é vê-lo e abraçar esta sessão de cinema.

Instagram

O regresso do cinema à Gulbenkian

A iniciativa da Fundação , que teve início em dezembro do ano passado e que marcou o regresso do cinema à Fundação, culmina agora numa última sessão de cinema e na apresentação do respetivo catálogo.

Entre março e abril, o ciclo "P'ra Rir! (Outra Vez)" continuou o que o seu antecessor havia inaugurado. Desta vez, a Fundação Gulbenkian recebeu "um conjunto de realizadores e atores que marcaram a história" da sétima arte, em particular pela "herança burlesca" e pelo "papel fundamental na consagração do riso, como uma das primeiras emoções do cinema", expressou a entidade em comunicado. A programação esteve a cargo de João Mário Grilo.

Provas da criatividade e massa crítica do pós-guerra, foram apresentadas obras como o "O homem mosca" (1923), de Fred Newmwyer e Sam Taylor — protagonizado por Harold Lloyd—, seguindo-se dois filmes com Stan Laurel e Oliver Hardy (Bucha e Estica) - "Caixa de música" (1932), de James Parrott, e "Bicho-carpinteiro" (1933), de Lloyd French -, numa jornada que culmina em duas obras de Buster Keaton: "O navegante" (1924), correalizado por Keaton e Donald Crisp, e "O general" (1926), codirigido com Clyde Bruckman.