Anterior
Irlanda e Espanha descem no "clube" da bancarrota
Seguinte
José de Matos é o novo presidente da CGD
Página Inicial   >  Economia  >   Conversa em direto com leitores: há investimentos seguros?

Conversa em direto com leitores: há investimentos seguros?

Leia as perguntas e respostas que resultaram da conversa em direto entre os leitores do site e os especialistas da corretora Golden Broker, sobre as oportunidades de investimento na crise.

Conversa em direto com leitores: há investimentos seguros?

Depois do terramoto financeiro de 2008 teremos um abalo financeiro ainda maior? A Europa será o epicentro da próxima crise sistémica? Onde estão os riscos que persistem nos mercados? Em tempos de crise, onde estão os portos seguros?

Estes foram alguns dos temas que site do Expresso respondeu na sessão de Live Chat com a Golden Broker, hoje entre as 11h e as 12h, e na qual serão ainda analisadas a realidade portuguesa e as oportunidades de investimento no nosso mercado.





Opinião


Multimédia

Cheesecake com manjericão e doce de tomate

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Voámos num F-16

Um piloto da Força Aérea voou com uma câmara GoPro do Expresso e temos imagens inéditas e exclusivas para lhe mostrar num trabalho multimédia.

Salada de salmão com sorvete de manga

Especialista em pratos de confeção acessível, com ingredientes ao alcance de qualquer pessoa, Tiger escolheu a gastronomia como forma de estar na vida. Veja, confecione, desfrute e impressione.

Por faróis nunca dantes navegados

São a salvaguarda dos navegantes, a luz que tranquiliza o mar. Há 48 faróis em Portugal continental e nas ilhas. Este é um acontecimento único: todos os faróis e 1830 km de costa disponíveis num mesmo trabalho. Para entendê-los e vê-los, basta navegar neste artigo.

Parecem casulos onde gente hiberna à espera de ver terra

No Porto de Manaus não há barcos, mas autocarros bíblicos que caminham sobre água. Têm vários andares e estão cheios de camas de rede que parecem casulos onde homens, mulheres e crianças aguardam o destino. E há gente a vender o que houver e tiver de ser junto ao Porto. "Como há Copa, tem por aí muito gringo que vem ter com 'nóis'. E então fica mais fácil vender"

O adeus de Lobo Antunes às aulas de medicina

O neurocirurgião deu terça-feira a sua "Última Lição" no auditório do Instituto de Medicina Molecular da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, na véspera de deixar o seu trabalho no serviço nacional de saúde.

Jaguar volta a fabricar desportivo dos anos 60

Até ao verão será fabricado um número limitado de desportivos Jaguar E-Type Lightweight, seguindo todas as especificações originais, incluindo a continuação do número de série das unidades produzidas em 1963.

"Naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas"

Mais do que uma manifestação, o 'primeiro' 1º de Maio é recordado como a grande festa da Revolução dos Cravos, quando o povo saiu às ruas em massa e a união das esquerdas era um sonho possível. "O 1º de Maio seria mais uma primeira coisa, porque naquela altura estavam continuamente a acontecer primeiras coisas." Foi há 40 anos.

Este trabalho não foi visado por qualquer comissão de censura

Aquilo que hoje é uma expressão anacrónica estava em relevo na primeira página do "República", a 25 de Abril de 1974: "Este jornal não foi visado por qualquer comissão de censura". Quarenta anos depois da Revolução, veja os jornais, ouça os sons e compreenda como decorreu o "dia inicial inteiro e limpo", como lhe chamou Sophia. O Expresso falou ainda com cinco gerações de 40 anos e percorreu a "geografia" das Ruas 25 de Abril de todo o país, falando com quem lá mora. Veja a reportagem multimédia.


Comentários 22 Comentar
ordenar por:
mais votados
Basta perguntar
Ao grupo do OLIVEIRA E COSTA, e sabem que podem roubar à vontade e não terem qualquer castigo.
Re: Basta perguntar
Re: Basta perguntar
Chiuuuuuuu !!
Re: Chiuuuuuuu !!
Então não há !?!?

Saúde, Educação, Velhice !!!

Sem risco, clientes certos, negócios montados por mera transferência de verbas do Estado.

PPC e a Fomentinvest que o digam: são mais de 30 empresas que trabalham em exclusivo e totalmente dependentes do Estado !!
Grande risco....
... em especial para quem tem poucas economias, e investe em produtos que pensa muito rentáveis, mas isso é só para quem investe milhões, que ate pode perder algum capital, se as coisas correrem mal , mas faz parte do "jogo", para quem tem recursos limitados é a ruina.!
O mundo financeiro funciona num sistema de "vale tudo" desde que aumentem os lucros, estão acima das leis, ninguem os controla, os governos perderam a cpacidade de defender os cidadãos. Nada é seguro neste "reino", milhões de pessoas estão dependentes de um grupo, que de repente se lhes apetecer, se for conveniente para os seus interesses, pode arruiná-las,... democráticamente.
Mesmo com muita informação dos especialistas, nada é seguro..... para quem tem pouco, investe menos, arrica menos, lucra menos, mas pode perder tudo.!!
Especialistas?
Especialistas de quê?
Ou refere-se o articulista, aos comentadores à posteriori?
Investimento seguro?
Pinto da Costa a presidente de qualquer clube...porquê ? junta competência e corrupção como mais ninguém o faz !
Re: Investimento seguro?
especialistas?
Especialistas, ou não. Aliás esses especialistas tem feito um belo trabalho de mer**.

Hoje em dia é só especialistas.

Deixo aqui dois especialistas em mercados:

  http://www.youtube.com/wa...
Há investimentos seguros?
Ainda há. Colocar o dinheiro em bancos de países saudáveis financeiramente, ausência absoluta de aplicações em acções e obrigações, e dar atenção à actividade do banco e ao seu rigor na gestão que faz. Há muitos bancos onde é um risco enorme colocar dinheiro.
financiramente quê?
Re: Há investimentos seguros?
Eles comem tudo
Já tenho medo que me saia o Euromilhões.
Receio e grandes incertezas
Receio até que me saia o Euromilhões.
Não o colocaria em nenhum banco portugues.
Por receio e por consciencia do mal que tem feito às familias e empresas. Não esqueço os cidadãos que puseram fim à vida com o desespero de ter perdido tudo, e da insencibilidade dos ditos.Tuda a causa tem um efeito e há a lei do retorno que é implacavel.Já começamos a ver alguns exemplos.
Re: Receio e grandes incertezas
Comprar coisas tangiveis...
Ouro, Prata, etc...

E guarda-lo debaixo do colchao, lol
bancos não são seguros...
Claro que existem investimentos seguros
Metais preciosos, imobiliário (casas e terrenos agrícolas)
Re: Claro que existem investimentos seguros
NADA É SEGURO
Entre políticas que põem em causa a própria «civilização europeia», NADA é seguro. O risco da europa, neste momento histórico, é de desmoronamento. A UE corre o risco que lhe aconteça o mesmo do que a União Soviética.

A união Soviética também era «para sempre».. e um dia acabou. E quando essas coisas aconteces é sempre inesperado e é sempre de um dia para o outro.

Angela Merkel não é mais inteligente do que Mikail Gorbachov. Bruxelas não respeita mais os europeus do que Moscovo respeitava os russos. Por motivos diferentes, a economia está europeia está presa por molas da roupa, tal como a economia russa antes do descalabro do castelo de cartas. As semelhanças são mais do que muitas.

E quando o problema é «de fundo», como é o caso, haverá algum investimento seguro?
Comentários 22 Comentar

Últimas


Edição Diária 17.Abr.2014

Leia no seu telemóvel, tablet e computador
PUBLICIDADE

Pub