24 de abril de 2014 às 15:17
Página Inicial  ⁄  Multimédia  ⁄  Fotogalerias  ⁄  Cenário de ficção científica surpreende no Baixo Alentejo

Amareleja "hight tech"

Cenário de ficção científica surpreende no Baixo Alentejo

A pequena vila da Amareleja convive agora com a maior central fotovoltaica do mundo. Os habitantes daquela vila já se habituaram a ver paineis solares gigantes misturados com o montado de sobro.
Comentários 5 Comentar
ordenar por:
mais votados ▼
Terra quente
Por se tratar da povoação com os registos mais elevados de temperatura, criaram lá um dos maiores e lhores parques solares. Como a margem esquerda está deserta (povoação e não só) por razões políticas - aqui ainda existe o comunismo! está é uma das poucas saídas. Valha-nos o SOL !
Era disto que eu falava, porra!!!
Não foi ao acaso que escolhi o nick name que tenho. Foi na esperança de que este grande alentejo desertificado, esquecido e, ultimamente, vendido ao desbarato aos nuestros hermanos, tivesse a oportunidade de ser transformado num exemplo de sustentabilidade ecológica para o resto do país e do mundo. Será mais fácil aqui porque ainda não temos a região impregnada pelo dito "desenvolvimento", nem fisico nem mental, pois a população ainda não sofre de ambição desmedida. Só pecamos por alguma falta de ousadia, penso eu, por termos receio que algo mude para pior. Mas de apostas como esta não há que ter medo! É evidente que este é um dos poucos bons caminhos para o Alentejo. Abraços
Antes dos foguetes, só uma pergunta
A energia produzidada NUM ANO da maior central "dá" para quantos vôos Paris-NovaIorque?
"Dá" para 30 mil habitações... Ver comentário
Energia Social
Excelente!!! Num Mundo cada vez mais necessitado de energias alternativas é sempre louvável todas as iniciativas progressistas na procura de uma solução já demais evidente para o futuro!
Mas... e as pessoas daquela localidade ... o que é que lucram com a degradação do seu habitat em prol do progresso? e isto é uma pergunta porque ainda não vi nada que viesse a beneficiar aquela população em particular por ter ali instalada aquela paisagem imposta. De certeza que continuarão a pagar a sua factura de electricidade tal e qual outro cidadão de outro concelho qualquer. Temo que quem vai beneficiar com isto sejam os mesmos de sempre .... EDP e REN .... mas só para os lugares de topo! que o assalariado não tem direito a nada.
VAMOS SOCIALIZAR O NOSSO PAIS JÁ ! e socializar não tem nada a ver com PS mas o social na verdadeira ascenção da palavra !
VIVAM OS OVOS E OS TOMATES!
PUBLICIDADE
Expresso nas Redes
Pub