23 de abril de 2014 às 12:07
Página Inicial  ⁄  Dossiês  ⁄  Dossies Atualidade  ⁄  Homicídio de Carlos Castro  ⁄  Carlos Castro: Autópsia revela morte por asfixia e golpes na cabeça

Carlos Castro: Autópsia revela morte por asfixia e golpes na cabeça

A autópsia a Carlos Castro revela que o foi vítima de homicídio, por asfixia e golpes desferidos na cabeça. Testemunhas revelam que horas antes do corpo ser encontrado ouviram uma discussão onde Renato Seabra afirmava não ser gay. (Vídeos no fim do texto)
A polícia nova iorquina continua a analisar a cena do crime Jessica Rinaldi/Reuters A polícia nova iorquina continua a analisar a cena do crime

Golpes violentos na cabeça e asfixia terão sido as causas da morte do colunista Carlos Castro, de 65 anos, que foi encontrado morto num quarto de hotel em Nova Iorque. De acordo com a informação avançada pela SIC, o resultado da autópsia confirma que o jornalista foi vítima de homicídio.

Ellen Borakove, porta-voz do gabinete de medicina legal de Nova Iorque, disse à agência Lusa que o relatório do médico legista aponta "lesões causadas por impacto violento" e "compressão no pescoço" como causas da morte de Castro.

Segundo a mesma fonte, todas as outras informações relativas à morte de Castro, nomeadamente a hora a que morreu e se o corpo apresentava sinais de mutilação, serão prestadas apenas à Polícia.

O corpo de Carlos Castro foi encontrado no Hotel Intercontinental, em Times Square, no quarto que o colunista partilhava com o modelo Renato Seabra, de 21 anos, que é agora o principal suspeito do homicídio. A SIC avança ainda que a mãe e a irmã do jovem estão a caminho de Nova Iorque e que a polícia portuguesa ainda não entrou em contacto com as autoridades norte-americanas.

Carlos Castro foi encontrado já sem vida, cheio de sangue, com lesões na cabeça e com sinais de mutilação sexual. Segundo o jornal "The New York Post ", os testículos do colunista português terão sido cortados com uma garrafa de vidro partida. Já manchas de sangue encontradas num computador portátil poderão indicar que foi esse o objeto usado para atingir o jornalista na cabeça.

"Não sou gay!", gritou Seabra


De acordo com o mesmo jornal norte-americano, testemunhas terão ouvido naquela tarde uma discussão entre o modelo e o colunista, com o rapaz a gritar que na realidade era heterossexual e que estava naquela situação "apenas pelo dinheiro".

Depois do corpo de Carlos Castro ter sido encontrado, Renato Seabra foi detido pela polícia, mantendo-se em observação médica na unidade psiquiátrica de um hospital de Nova Iorque.

Pelo crime de homicídio, Seabra enfrenta a pena perpétua, a máxima no Estado de Nova Iorque, além de impossibilidade de liberdade condicional. A extradição é pouco habitual quando o crime é cometido por estrangeiros.





Comentários 32 Comentar
ordenar por:
mais votados ▼
Discursos que legitimam o assassínio
Não sei se o Carlos Castro (CC) tinha ou não tinha uma relação com o Renato Seabra (RS). Também não sei se o CC se atirou ao menino ou se foi o menino que se aproveitou do CC para chegar mais longe ou atingir fins fáceis. Não sei e pouco me interessa.

Registo apenas o facto de já haver quem queira justificar como legítima defesa, o assassínio de Carlos Castro.

Que eu saiba, um homem de 65 anos, atarracado, gordo, minorca e nada atlético não consegue enfrentar, dominar ou violar um jovem de 20 anos, alto, atlético, robusto e praticante de desporto.

Só por manifesto enviesamento dos factos se pode vir aqui transmitir a ideia de que o agressor é um coitadinho e a vítima é o responsável.

Mesmo que CC tivesse assediado RS, bastava ao segundo dizer NÃO. Certamente não era o minorca do CC que conseguia abusar do RS, não acham?

Por isso, desde quando é legítimo assassinar uma pessoa com o argumento de que esta praticou um assédio sexual? Até porque, sobre esta história, muito mais iremos saber. E, neste momento, só cá está um para a contar.
Re: Discursos que legitimam o assassínio Ver comentário
Re: Discursos que legitimam o assassínio Ver comentário
65 anos, atarracado, gordo, minorca e... Ver comentário
Re: 65 anos, atarracado, gordo, minorca e... Ver comentário
Re: Discursos que legitimam o assassínio Ver comentário
Re: Discursos que legitimam o assassínio Ver comentário
Re: Discursos que legitimam o assassínio Ver comentário
Re: Discursos que legitimam o assassínio Ver comentário
Re: Discursos que legitimam o assassínio Ver comentário
Re: Discursos que legitimam o assassínio Ver comentário
Re: Discursos que legitimam o assassínio Ver comentário
Re: Discursos que legitimam o assassínio Ver comentário
Re: Discursos que legitimam o assassínio Ver comentário
Re: Discursos que legitimam o assassínio correcção Ver comentário
O laboratório CSI trabalhou depressa
Informações mais detalhadas serão fornecidas num episódio futuro de CSI NY, com Gary Sinise no papel de Mac Taylor.
Informações de última hora Ver comentário
CÁ ESTÁ
Isto foi o que sempre suspeitei,que o Sebra não era gay.
O rapaz aceitou acompanhar o predador na confiança de que este conseguiria aceitar um NÃO! caso tentasse alguma coisa.Provávelmente e segundo declarações da mae até o via como figura paternal
Mas em Nova Yorque o predador não aceitu o Não e tentou violar o miudo.
Teve azar que provavelmente ao contrário de muitos este teve a coragem de enfrentá-lo.
Legitima defesa para o Seabra!!
a parte dos tubaros foi um golpe que era destinado à cabeça,sem intenção portanto.
Re: CÁ ESTÁ Ver comentário
Re: CÁ ESTÁ Ver comentário
Re: CÁ ESTÁ Ver comentário
isto ainda vai dar muito que falar...
Vamos ver o que dá o inquerito...desconfio que imaculada imagem do Castro ira ser desmascarada....segundo eu percebi foi ele que se apresentou ao modelo atraves do face booK ... e já tinha confidenciado a um amigo que gostaria de morrer em Nova Iorque e a outro que tinha um precentimento que iria ser assassinado num quarto de hotel em Nova Iorque ....ora quem age assim e alem disso é Gay......esta-se mesmo a ver o resultado
pois...
.
Quid pro quo fatal ...
... e bastante sintomático da falta de valores que se vive hoje em dia, a coberto da tolerância e da busca pela fama e fortuna. Não me admira que a cabeça do jovem tenha dado um nó. Ele é um produto desta sociedade e também uma vítima dela.
Se-abra...Castro(ado)
Complexidade da natureza humana!
Se tivermos em conta o factor "PODER", esse tal...que conduz muita gente por um caminho imaginário de que tudo é seu, assim como o objectivam...muito provávelmente também podemos encontrar CARLOS CASTRO...o tal...que exerce influencia num meio onde todos querem entrar... como as revistas cor de rosa, a moda, a luxúria e todos os seus afins.

E ainda podemos encontrar CARLOS CASTRO com um jovem de 21 anos, que quer ser modelo e consequentemente singrar no mundo da moda (hj em dia nada funciona sem cunhas), recém saído da adolescência...FÁCIL para este CARLOS CASTRO seduzi-lo, prometendo-lhe essa mesma concretização... "jardim proibido" para um, "habitat natural" para outro.

E o dito "PODEROSO" materialmente e socialmente, esqueceu que o "PODER" absoluto, é vulnerável, quando se depara com uma "presa" que o intercepta no seu caminho imaginário, de que tudo é seu, e lhe coloca a abismal barreira dos VALORES MORAIS.

Pois é...ainda aqui vamos discutir, que independentemente de nada justificar um homicidio, em momentos que temos que defender os ditos VALORES MORAIS, instintivamente acabamos por alimentar uma cegueira, equivalente em escala à do "PODER" QUE NOS CONDUZ POR UM CAMINHO IMAGINÁRIO, QUE SERÁ ESSA A NOSSA LIBERDADE!

O "PODEROSO" vira "PRESA" e vice-versa, e na luta de poderes materiais e morais, ganham mais força os VERDADEIROS e REAIS.... a isto se chama "A COMPLEXIDADE DA NATUREZA HUMANA"
jovens
Um jovem de 20 anos sabe bem ver se é assediado ou não

O CC nem conseguia ocultar a sua "feminidade", os seus gestos e posturas gay, era bem óbvio o que este desejava do rapaz

Não acredito que o jovem não se tenha apercebido disso

Pergunto-me quantos assédios de gays os jovens modelos receberão todos os dias

Para mim o jovem vendeu-se, e depois as coisas fugiram do seu controle e num acto tresloucado e de raiva....a tragédia aconteceu

estragou a vida dele
Re: jovens Ver comentário
b
TODOS GOSTAVAM MUITO DELE
O irmão gostava tanto que ainda não parou de dar entrevistas. Hoje passou a manhã na TV a falar do assassinato como se comentasse um jogo de futebol.

http://oanaogigante.blogs...
Re: Carlos Castro: Autópsia revela morte por asfix
Isto ainda vai dar muito que falar, haverá muitas versões.
Mais uma novela para os portugueses seguirem..

http://galeriadesfoq.blog...
para os curiosos^
Novela
Mais uma novela para os portugueses..

http://galeriadesfoq.blog...
PUBLICIDADE
Expresso nas Redes
Pub