24 de abril de 2014 às 19:45
Página Inicial  ⁄  Internacional  ⁄  Brasil exige explicações dos EUA sobre espionagem

Brasil exige explicações dos EUA sobre espionagem

Governo brasileiro diz ter recebido com "grave preocupação" a notícia de que o país é um dos alvos prioritários da espionagem dos EUA.
Liliana Coelho
Brasil exige explicações dos EUA sobre espionagem Fernando Bezerra/EPA

O ministro brasileiro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, diz que já pediu esclarecimentos ao governo norte-americano sobre a espionagem feita ao Brasil.

"O governo brasileiro solicitou esclarecimentos ao governo norte-americano, tanto por intermédio da embaixada do Brasil em Washington, como do embaixador norte-americano no Brasil", declarou Antonio Patriota, após o jornal "O Globo" ter divulgado, no domingo, que o país é um dos alvos prioritários da espionagem feita pela Agência de Segurança Nacional dos EUA.

Segundo o ministro, o Brasil vê com "grave preocupação" essa denúncia, tendo o governo reunido de imediato no Palácio da Alvorada, em Brasília, para discutir o assunto.

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, revelou que o governo já acompanhava o caso há algum tempo, mas sublinha que "agora a história muda de patamar." De acordo com o governante, a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel)  vai investigar se as empresas de telecomunicações do país têm contratos que pressuponham a troca de informações com os EUA.

O Governo de Dilma Rousseff vai propor também a criação de um organismo internacional para regular a rede global de computadores e a melhoria das regras multilaterais sobre a segurança das telecomunicações, para "garantir que a segurança cibernética proteja os direitos dos cidadãos e preserve a soberania de todos os países".

Comentários 44 Comentar
ordenar por:
mais votados ▼
Dilma ,o petróleo e o Povo!
Deve preocupar-se com os pobres e menos com os ricos!
... Ver comentário
"DILMA VAI AO "
Cabeleireiro que isso passa-te.
kacus
Oh meus amigos..ge....
Os EUA dão-vos umas "explicações" que nem eles percebem e continuam a espiar-vos!

Como podeis ser tão ingénuos?
Como é "qui podgi?"
Oh meus amigos..ge... Ver comentário
. Ver comentário
O Brasil pode falar grosso ...
... porque é um país enorme e com grandes recursos naturais e humanos. Ou o Brasil alinha nessa mentalidade imperialista e herdeira da guerra fria, fazendo o mesmo que fazem outros países como China, Rússia, França and so on, que se espiam uns aos outros e investem grandes somas em armamento (incluindo o nuclear), ou inova e tenta combater o mal de forma criativa. A proposta do tal organismo regulador poderá ser uma saída interessante.

É por aí ... Ver comentário
Provável imperialismo nascente do Brasil Ver comentário
Tem. À exceção do Uruguai, podemos perceber Ver comentário
O Feudo Ver comentário
Pode ser, Ver comentário
Futuro Ver comentário
Não sou especializado em geo-política, Ver comentário
O controle das vontades e identidades Ver comentário
O objetivo do "chip" deve ser de outra ordem, Ver comentário
Por isso, não fiquei lá muito surpreso com as Ver comentário
Não são apenas os Estados Unidos ... Ver comentário
Os alemães, desde uma longa data, têm muitos Ver comentário
A "falência" da Varig e boicote do voo do Morales. Ver comentário
E como poderia ser diferente? Ver comentário
Não são homens livres Ver comentário
Compromissos Ver comentário
Dilma, arrume a casa e deixe-se de lérias
.
percebo...
Percebo a preocupação. No Brasil, várias são as empresas públicas que têm facebook por exemplo...
A Dilma
Compreendo a preocupação dela. Não vá a espionagem ianque por a descoberto um ou outro corrupto que uma manta já muito retalhada ainda consegue tapar...
"Leverage" Ver comentário
Obrigado pelas suas palavras Ver comentário
conselho
Presidente : Dilma não faça muito barulho que a coisa pode dar para o torto.
Abram os olhos
Ainda vamos ver as grandes multinacionais americanas tomar conta dos recursos naturais do brasil. Acham o quê ? Os USA tem interesse onde quer que hajam recursos naturais a explorar. Depressa tratam de arranjar um q.q. argumento para tomar pela força os bens de que necessitam. O melhor que o brasil faz é conjuntamente com a russia, angola, india e china, criarem as suas próprias NATO, ONU, e FMI para se oporem ao imperialismo norte americano, a europa já sabemos com quem está.
Dilma e os seus burgueses...
... jogam a carta da hipocrisia, mentindo descaradamente para calmarem o descontentamento-geral que lavra contra a corrupção hereditaria.
Exactamente como fazem os yankee's, alucinando os Povos Trabalhadores para reuni-los no caminho da obediencia ao Poder: inventam-se inimigos!!!
Se alguma espionagem aconteceu ( por parte dos USA ) esta incidiu, logicamente, sobre as condições de resistencia ( do Governo de Dilma ) aos Povos Brasileiros em colera. Não sera o steack bovino, proveniente do Brasil, menos caro nos USA que o preço do boi vendido aos exploradores da America do Norte? As madeiras preciosas do Amazonas, não partirão para a empresas transformadoras Norte Americanas? E as principais minas? Sera o Brasil autonomo na distribuição do seu petroleo?
Enquanto os Brasileiros não reduzirem a zero a dominação da burguesia local, os Povos do Brasil continuarão vivendo numa ilusão e sofrendo as grilhetas economicas dos exploradores internacionais.
Os brasileiros já ditam soluções
O povo brasileiro esta sugerindo a Dilma que adote, imediatamente, as seguintes medidas: a - Denunciar o tratado de não proliferação de armas nucleares assinado por Fernando Henrique Cardoso; b - Desenvolver e produzir armas nucleares, já que o país domina a tecnologia nuclear, mas até hoje, só desenvolveu e produziu equipamentos para fins pacifico; c - Produzir mísseis, para transportar ogivas nucleares. a partir de uma nova versão do VLS (veículo lançador de satélites). No mundo em que vivemos, respeito não se adquire por bom comportamento, mas pela imposição da força. Vamos em frente Brasil, por atrás vem gente mal intencionada ! ! !
Senhor ( a ) Comentador ( a ) " PSGD " : Ver comentário
Os brasileiros já ditam soluções Ver comentário
Co-tribuno " PSGD ": Ver comentário
Comer ou ser comido
O Brasil chegou a um ponto da sua evolução como país e devido à sua grandeza que ou come ou é comido, porque ao não se assumir internacionalmente de acordo com o seu peso real, permite que outros países tomem o seu lugar nomeadamente, na liderança da América Latina e mesmo do hemisfério sul, o Brasil pode e deve ser a máxima influência em todo o hemisfério sul porque na prática só tem dois rivais de peso, a África do Sul e a Austrália, mas mesmo esses dois países não chegam. O que neste momento se passa é a omissão brasileira em assumir essa liderança e se demorar mais tempo os EUA tomarão facilmente o lugar do Brasil na sua zona de influência.
A única maneira do Brasil liderar esse hemisfério passará sempre por uma estratégia lusófona perfeitamente articulada com todos os países da CPLP, é bom lembrar que só o Brasil com Angola conseguem dominar todo o mar Atlântico Sul e conjuntamente com Moçambique esse domínio pode passar facilmente por analogia para o Pacífico Sul.
Para " 7P ": Ver comentário
Chauvinismo!? Ver comentário
Essa é de cabo-de-esquadra, Sr. 7P. Ver comentário
Mundo-Velho Ver comentário
Confusões Ver comentário
Tem de ser tomada em consideração Ver comentário
Será uma realidade inevitável Ver comentário
Presidenta
Factos não são fatos e assim sendo pode-se inferir que:
1º Eles espiaram com ou sem o vosso consentimento.
2º As explicações que forem dadas a Vexa vão ser, sem alternativa, aceites e pronto.
3º A burocracia politica/administrativa e empresarial brasileira passa em grande parte pela net.
4º Quanto á "criação de um organismo internacional para regular a rede global de computadores e a melhoria das regras multilaterais sobre a segurança das telecomunicações", na situação em que o Mundo se encontra seria legitimar e agravar o que já se pratica á muitos anos.
5º Vexa tem a certeza que o ex-presidente Lula lhe passou toda a informação do seu mandato relativo ao relacionamento com os states?
Pois, convem saber!

PUBLICIDADE
Expresso nas Redes
Pub