Siga-nos

Perfil

Expresso

Antes pelo contrário

Estrela culpada

  • 333

Varoufakis pode usar o "sistema do estrelato" em favor do duro combate que tem pela frente. Mas não pode, no mesmo momento que exibe o seu "ninho de amor" e transforma a sua intimidade em arma política, teorizar sobre os males do sistema que promove essa forma de fazer política. Nestas matérias cada um faz as suas escolhas e vive com as consequências. O que fica sempre mal é a escolha envergonhada. As pessoas aguentam tudo. Só não aguentam falsos moralistas.

Daniel Oliveira

"Eu desprezo o sistema do estrelato. É sempre o corolário de um défice democrático e de um défice de valores". Foi isto que o ministro das Finanças sensação disse ao "Paris Match". E não o disse num momento qualquer. Disse-o quando pousava para a revista francesa, ao lado da sua sorridente e loira mulher, num jardim, em que tudo é um clichet grego com peixe grelhado, vinho branco e couvert mediterrênico numa varanda banhada por sol e com a Acrópole ao fundo. Disse-o a posar enquanto lia um livro seu (já com outra roupa), com a mulher ao lado. Disse-o numa poltrona, disse-o a tocar piano, disse-o enquanto desenhava para a Europa o seu próprio retrato pop: homem sedutor que arrebatou as mulheres europeias, pinta de intelectual duraço que só há nos filmes e nunca nos governos. Disse-o no seu "ninho de amor".

 

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI