Siga-nos

Perfil

Expresso

Turquia para adultos

  • 333

Ainda me lembro de um episódio do MacGyver em que, empenhado em pôr os seus inúmeros talentos ao serviço da liberdade, se juntou aos mujahedin, no Afeganistão, onde encontrou corajosos muçulmanos, pobres mas orgulhosos da sua cultura e religião, desrespeitadas pelo laicismo agressivo dos comunistas. Penso que Osama Bin Laden não aparecia na série, mas não devemos levar a mal. O entretenimento televisivo sempre foi uma arma de propaganda e o inimigo era, então, a URSS. Não se podia confundir o público com a complexidade de uma guerra onde não era fácil encontrar os bons.

O jornalismo dirigido às massas, sobretudo o televisivo, não é, demasiadas vezes, muito diferente do MacGyver. Também entretém, também trata da propaganda e também precisa de heróis e vilões que representem o eterno confronto entre o bem e o mal.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)