Siga-nos

Perfil

Expresso

A peste dos tontos e o apodrecimento da democracia

  • 333

É grave um deputado ser pouco inteligente? Claro que é. Porque os deputados fazem as leis que nos regem e aprovam as medidas que determinam o nosso presente. Assim, das duas uma: ou falta inteligência a Carlos Peixoto e não deve ser deputado, ou Carlos Peixoto é inteligente mas acha que os velhos são uma peste e não deve ser deputado. Com consciência do que diz ou na inocência que Deus deu aos tolos, apodrece a nossa democracia. E no entanto é cabeça de lista pela Guarda

Em 2013, um deputado do PSD eleito pela Guarda escreveu um texto que deu polémica. O obscuro Carlos Peixoto, com coluna gratuita no I para encher papel, descrevia assim o envelhecimento do país que então estava na ordem do dia: “A nossa Pátria foi contaminada com a já conhecida “Peste grisalha’. (...) O resultado só pode ser assustador. (...) Assustador porque o envelhecimento dos portugueses e o incremento do seu índice de dependência provocam um penoso aumento dos encargos sociais com reformas, pensões e assistência médica. (...) Precisamos, todos, de mudar a nossa mentalidade, de a renovar, de apostar no incremento da natalidade. Se assim não fôr, envelhecemos e apodrecemos com o país.”

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI