Siga-nos

Perfil

Expresso

Sérgio Monteiro, um habilidoso cada vez mais arrojado

  • 333

Se mais nada me oferecer a queda deste governo, uma das que desejo mais é ver investigada a forma como privatizou e concessionou algumas empresas públicas. E em especial os processos que estiveram na mão do secretário de Estado Sérgio Monteiro. Em primeiro lugar estarão as conturbadas e opacas privatização da TAP e concessão dos STCP e Metro do Porto. Também estou curioso para ver onde irá trabalhar, no dia seguinte a abandonar o cargo, o antigo gestor de swaps.

O governo quer bater um record de descaramento: acabou de abrir um período de 12 dias para apresentação de propostas para a concessão dos STCP e Metro do Porto. O prazo será amanhã, dia 3 de setembro. Depois, virá um ajuste direto. Tudo para garantir que o feliz contemplado é escolhido ainda antes das eleições ou da mudança de governo. A pressa em garantir um ajuste direto chega para que os radares sejam ligados.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI