Siga-nos

Perfil

Expresso

O tiro no pé de José Eduardo dos Santos

  • 333

Até José Eduardo dos Santos ter acusado os 15 jovens presos, a 20 de junho, em Luanda, de estarem a preparar um golpe de Estado ainda havia espaço de recuo. Agora é tudo mais difícil. E muitos dos que dão a cara pela sua libertação têm laços familiares a pessoas do regime, da elite económica angolana ou a figuras históricas com um enorme peso simbólico no MPLA. Para o Presidente os atacar terá de indispor o seu próprio circulo de influência. Os sinais que aparecem com este movimento são muitíssimo inquietantes para o regime angolano. O fim do dinheiro para comprar silêncios e cumplicidades e uma nova geração corajosa e rebelde, por vezes vinda de dentro do próprio regime, sinalizam a decadência do poder de José Eduardo dos Santos

Preso político é alguém que é encarcerado numa prisão pelas autoridades de um país por exprimir, por palavras ou atos, a sua discordância com o regime em vigor. No dia 20 de junho, 15 jovens que organizavam mais um protesto pacifico contra o regime de José Eduardo dos Santos foram presos em Luanda. Em Angola e em qualquer lugar do mundo eles são presos políticos.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI