Siga-nos

Perfil

Expresso

Isto é Matemática

Gostaria de convencer alguém que consegue adivinhar os números da lotaria?

Gostaria mesmo de convencer alguém que você tem poderes premonitórios? Então siga a receita que lhe vamos dar no episódio desta semana!

Espero que, ao explicarmos estas técnicas, não nos acusem de estarmos a ensinar e incentivar o charlatanismo. De facto, quanto mais informados estivermos, melhor nos podemos defender e tomar decisões o mais racionais possível.

Claro que a ‘técnica das mensagens’ pode ser ainda mais potenciada se partirmos de um número muito maior de contactos, de forma a permitir criar ainda mais iterações. Esta técnica é muito eficaz porque a nossa primeira - e correta - tendência para identificarmos o que é ou não fruto do acaso consiste em pedir para repetir a experiência. Se alguém nos disser que consegue adivinhar qual a face que vai sair quando atira uma moeda ao ar, e adivinhar mesmo, a nossa primeira tendência é dizer: -Faz lá outra vez! É por isso que esta ‘técnica das mensagens’ pode ser muito poderosa: há pelo menos uma pessoa que pede para repetir e a previsão volta a confirmar-se!

A polémica em torno do sucesso de alguns fundos de investimento não é recente (veja AQUI). Quando as carteiras de investimento são muito diversificadas, a rentabilidade é mais previsível e perto do comportamento médio do mercado, estes são fundos de baixo risco e pouco excitantes do ponto de vista do investidor. Se a carteira de investimentos é menos diversificada, o fundo é classificado de mais alto risco, a imprevisibilidade é maior e a divergência, positiva ou negativa, em relação ao rendimento médio do mercado, é maior. É aqui que se geram condições para que, de forma consciente ou não, a ‘técnica das mensagens’ funcione. A partir do momento que há vários fundos com rendimentos que se desviam do rendimento médio do mercado, há seguramente uns que ficam acima e outros que ficam abaixo, tal como as setas no alvo ficam mais para a esquerda ou direita. A questão que devemos colocar é: até que ponto, por cada fundo de investimento que é anunciado com um alto historial de rendimento nos últimos anos, não há uns quantos que não tiveram esse rendimento e por isso não têm esse destaque?

Definitivamente, isto do acaso não é coisa intuitiva.

O programa Isto é matemática tem o apoio da Fundação Vodafone Portugal. Se perdeu algum dos episódios das nossas primeiras temporadas, ou simplesmente para recordar, espreite e subscreva os nossos canais Youtube e Facebook.