Siga-nos

Perfil

Expresso

Os extraterrestres são de esquerda ou de direita?

  • 333

Talvez não saiba, mas a soma do número de pintas de duas faces opostas de um dado dá sempre sete. Todas as fotos acima são do mesmo dado, mas uma foi tirada através de um espelho. Qual foi?

Antes de confirmar a sua aposta e de ver como a ideia deste quebra-cabeças pode levar à descoberta de vida extraterrestre, veja o nosso vídeo desta semana.

E então? Qual é a sua aposta para o quebra-cabeças das fotos dos dados? Qual das fotos foi tirada através de um espelho?

A resposta correta é: dado C. Para entender porquê, rode mentalmente cada um dos dados para ver se consegue colocá-lo na mesma posição dos outros. Tendo em atenção que a soma das pintas de faces opostas dá sete, é possível saber qual é o valor que está em cada uma das faces não visíveis de cada um dos dados. É possível rodar mentalmente o dado A para que fique na posição B mas não é possível colocá-lo na posição C. O dado na posição C tem a orientação trocada em relação aos dois primeiros.

A regra das somas das faces normalmente é seguida nos dados que encontramos à venda. Quanto à orientação, não há nenhuma regra, encontramos os dois tipos, foi também por isso que deixei claro que se tratava do mesmo dado em todas as fotos. Já agora, tenho de confessar que fiz batota: tentei de facto fazer uma foto através de um espelho, contudo as condições de luz acabavam por denunciar a solução. O que fiz foi tirar três fotos ao mesmo dado e depois fazer uma simetria a uma delas com um software de edição de imagem. Teoricamente produz o mesmo resultado. Espero que me desculpe a batota.

Uma aplicação bem curiosa para estas ideias é a busca de vida extraterrestre. Há quem acredite (http://www.pnas.org/content/106/19/7816.abstract) e esteja a desenvolver técnicas de busca de vida extraterrestre baseadas neste conceito de orientação. A ideia é simples, as moléculas refletem a luz de forma diferente dependendo da sua orientação. Num planeta sem vida existem os dois tipos de orientação em igual quantidade. Contudo quando surge vida, começa a haver um nível maior de organização molecular, quando uma espécie se reproduz mantém certas características da sua estrutura molecular, em particular a orientação, o que gera assimetrias na quantidade de moléculas com uma ou outra orientação. A ideia é então analisar a luz refletida por certos planetas para tentar detetar esta assimetria. O que é interessante nesta ideia é o facto de, em princípio, ter potencial para detetar um grande leque do que podemos chamar vida. A nossa primeira tendência é procurar vida em planetas que tenham condições semelhantes ao nosso, ou seja, só estamos a procurar organismos do mesmo tipo dos existentes no nosso planeta. Esta técnica poderá encontrar planetas com uma organização molecular mais elevada do que a que seria de esperar num planeta que só contenha ‘calhaus’, independentemente desta organização ter dado origem a organismos semelhantes ao nosso ou não.

Ou seja, é possível que primeira coisa que venhamos a saber sobre os extraterrestres é se são de esquerda ou direita - muito antes de conhecermos qualquer outra característica.

Se perdeu algum dos episódios das nossas primeiras sete temporadas, ou simplesmente para recordar, espreite e subscreva os nossos canais Youtube e Facebook