Siga-nos

Perfil

Expresso

Fictiongram

quero ser a Dulcineia

  • 333

De manhã, depois de uma reunião complicada, a mulher imprimiu a frase

 

Não lutarás contra moinhos de vento.

 

Colou o A4 na parede e ficou a olhar para toda as letras como se a fossem ajudar. A tarefa que lhe cabia em sorte, para esta semana, era titânica. Sentiu-se o Sancho Pança. Quis ser a Dulcineia. Suspirou. Era apenas uma editora. Pensou em moinhos grandes, cheios de vento, sentou-se e começou a semana.