Siga-nos

Perfil

Expresso

A coisa do Jaime

  • 333

Portanto, a coisa do Jaime, a sua sobranceria, a ideia de que era capaz de ser superior e viver longe de Carmen, isto dentro do seu putativo manuscrito (que chatice, não pode dizer manuscrito se escreve num computador, ou pode? decide que pode) era apenas uma alteração mínima da realidade. Ele, o escritor, fora o Jaime na vida real, ou seja, não sairá de casa, mas dissera aquelas coisas:

“Nem na cama és bom.”

(Fictiongram é uma ficção iniciada no Expresso Diário no dia 1 de Julho de 2015)