Siga-nos

Perfil

Expresso

Onde o esforço não compensa

  • 333

Carmen fez um esforço maior. Podia ser que a infelicidade da mãe conseguisse fazer com que visse que tinha uma filha, ela, Carmen, a menina que não se distinguia em nada, apenas nas notas medianas e altas a Português e História. Afinal, o irmão... Carmen herdara o nome da avó paterna e essa figura pequena, sempre vestida de negro, com rendas e cabelo num carrapito, uma personagem dos livros, era a salvação dos seus dias. Ia buscá-la ao colégio, faziam juntas os trabalhos de casa, lanchavam e Carmen regressava a casa dos pais apenas para o jantar, sendo certo que, durante a semana, jantava na cozinha com a Isabelinha, a empregada interna, e o Martim a fazer asneiras com a comida e a irritar a Isabelinha que quase chorava de desespero.