Siga-nos

Perfil

Expresso

5 vídeos a não perder no Dia das Mulheres

d.r.

De marcas a ONG’s e organismos governamentais, nos últimos dias têm sido lançadas múltiplas campanhas de sensibilização para a necessidade de mais direitos, oportunidades e respeito no que diz respeito ao sexo feminino. Sendo a data de hoje um dia de partilha e reflexão conjunta, deixo-vos cinco vídeos que podem ajudar a perceber melhor a mensagem, e a explicar aos demais que não a conseguem – ou não querem – compreender.

Começo com a campanha “Até à Igualdade”, promovida pela Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género, que nos últimos quatro dias foi lançando vídeos diários que tanto têm de provocatório quanto de estatístico. O primeiro – que partilho aqui - foi sobre assédio em contexto laboral, mas também há spots sobre partilha de tarefas domésticas, disparidade salarial e licença partilhada de parentalidade (porque nisto da igualdade de género, os homens também são muitas vezes prejudicados pelos estereótipos discriminatórios enraizados nas nossas sociedades). Podem vê-los todos na página de Facebook da CiG.

Gostemos ou não da marca, a Vodafone lançou um spot poderosíssimo com perguntas básicas levantadas por meninas, em jeito de mulheres adultas. Se por lado a ironia das suas deixas nos leva a sorrir, por outro as questões levantadas têm o condão de nos deixar envergonhados com a falta de resposta válida. “Grandes mudanças começam com pequenas perguntas”, dizem no vídeo. Não podia estar mais de acordo.

Mais do que o vídeo de António Guterres sobre a importância paridade nas Nações Unidas (que também vale a pena ver), sugiro que espreitem este da UN Women, que relembra algumas frases e imagens de discursos feitos por mulheres inspiradoras, e que tanto fizeram pelos direitos das mulheres ao longo das últimas décadas.

Imaginemos que pedimos a duas crianças, um menino e uma menina, para realizarem uma tarefa a meias. No final, são recompensados com guloseimas, mas o menino recebe quase o dobro dos doces que são dados à menina. Como é que as crianças reagem a isto? A resposta está neste vídeo da Finansfordunbet. Espreitem, vale tão, mas tão a pena ver as reações.

Como é que neste Dia Internacional da Mulher vais fazer pressão para que a mudança aconteça? A pergunta é lançada pela campanha #PressForProgress, que num vídeo cheio de ritmo e exemplos práticos, brinca com a palavra “press”, mostrando como esta pressão pode ser feita por todos nós, das mais variadíssimas formas, no nosso dia a dia.