Siga-nos

Perfil

Expresso

Matemática

John Milnor é o vencedor do Prémio Abel, o "Nobel da Matemática"

Sociedade Portuguesa de Matemática

O Prémio Abel 2011 foi atribuído ao matemático norte-americano John Milnor, devido às suas descobertas nas áreas da topologia, da geometria e da álgebra. O investigador era já detentor da Medalha Fields (1962), reunindo agora as duas distinções mais importantes da matemática, equivalentes ao Nobel, não atribuído a esta ciência.

O trabalho de John Milnor, Institute for Mathematical Sciences da Stony Brook University (Nova Iorque), influenciou profundamente o campo da matemática na segunda metade do século XX. Retratado como um "expositor excepcionalmente talentoso" pela Academia Norueguesa de Ciências e Letras, Milnor é considerado um cientista imaginativo e capaz de fazer descobertas surpreendentes. O investigador possui um vasto leque de obras publicadas, consideradas modelos da escrita matemática.

No âmbito da investigação científica que desenvolveu ao longo de mais de três décadas, recebeu inúmeras distinções, nomeadamente o Prémio Wolf (1989), atribuído a cientistas e artistas, e três Prémios Steele (1982, 2004 e 2011), da American Mathematical Society. O Prémio Abel, atribuído pela primeira vez em 2003 para distinguir trabalhos científicos de relevo no campo da matemática, consagra assim em 2011 o percurso de John Milnor como investigador e expositor. Além do reconhecimento da comunidade científica, o matemático receberá ainda um montante de cerca de 750 mil euros. A cerimónia de entrega do prémio decorrerá no dia 24 de Maio, em Oslo.

Site do Prémio Abel:

http://www.abelprisen.no/en/