Siga-nos

Perfil

Expresso

Trabalhar menos, ganhar mais. A sério, António Costa?

  • 333

A partir de hoje escrevemos todos da mesma maneira. Bom, todos todos… não. Mas a muitos de nós caem algumas consoantes, alguns acentos, algumas maiúsculas e supostamente ficamos mais modernos e, por grafia, mais iguais. Ou mais brasileiros: o poder é deles, o benefício também.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(O Expresso Diário é de acesso gratuito até dia 15 de maio)