Siga-nos

Perfil

Expresso

Ronaldo, um fabuloso exemplo

De menino pobre nascido na ilha da Madeira a melhor futebolista do mundo, a história de Cristiano Ronaldo prova que se pode fintar o destino e que podemos ser muito mais do aquilo que julgamos possível.

Pegar nos êxitos de um rapaz que ganha a vida a dar chutos numa bola para fazer comparações com a sociedade portuguesa é seguramente, para muitos, um sacrilégio. E no entanto, Cristiano Ronaldo tinha tudo para reproduzir ao longo da vida o ciclo da pobreza da família em que nasceu e que é a história de mais de dois milhões de portugueses, com pouca ou nenhuma educação escolar, sem especialização, condenados a trabalhar como mão-de-obra desqualificada e mal paga ao longo de todo o seu período ativo, sem qualquer hipótese de sair desse quadro de deserdados do progresso e sem qualquer esperança num futuro melhor.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)