Siga-nos

Perfil

Expresso

O défice de 2015 e o combate político

  • 333

O défice de 2015 vai ser um ponto crucial da luta política por muito tempo. E isso porque a coligação PSD/CDS vai insistir que o défice ficará este ano abaixo dos 3% e que isso só não acontecerá se o Governo PS não quiser.

O problema é que isso não é assim tão claro – pelo menos a acreditar na UTAO, a unidade técnica de apoio ao Parlamento, dirigida por Teodora Cardoso e que até agora tem sido uma entidade considerada muito respeitada por parte do anterior governo.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI